fbpx
Resumos SIC

Por Ti: resumo dos próximos episódios

Resumo de 1 a 5 de agosto

Por Ti

 

Episódio 111

 

 

Destaques

Renata é impedida de falar para os jornalistas e é Tosso que expõe a situação da barragem e discursa para a imprensa.

 

Xana está de malas feitas, Neca tenta impedi-la de ir e pede ajuda a Tó para a convencer. Tó pergunta onde vai deixar o táxi, ela diz que à porta e não quer que ninguém mexa nele.

Renata vitimiza-se e acusa Rui de ter estado do lado dela só quando havia hipótese de a aldeia nova desaparecer. Renata dá-lhe a pasta com os planos do resort e tenta convencê-lo a ficar do lado dela.

Mia desolada nem tem forças para lhe dar na cabeça por ter saído. Acha que perderam e não vale a pena lutar mais pela barragem. Afonso sente que ainda não acabou.

Lara fala na data que gostava de casar. Dieter mostra-se pouco interessado, pede desculpa, mas não pára de pensar na barragem. Acaba por aceitar a data que Lara sugeriu.

Helena e Paulo discutem por causa do que se passou na casa de Mónica. Helena acusa-o de estar do lado dela e de lhe estar a dar esperanças.

Simão conta-lhes que a irmã já tem a data do casamento, é no aniversário da avó. Miguel e Isabel não querem que ele vá ao casamento nem deixam que leve as coisas dela. Orlando continua em silêncio.

Adelaide mete a mesa para jantar quando Xana entra. Xana mete-se logo à vontade e desabafa com Adelaide, que a mete no lugar e diz as regras lá de casa.

Tosso procura Renata, Bernardo diz que não está. Dieter também aparece, quer falar com ela. Rita diz que o quarto dela é o 7 e avançam para lá. Dieter arromba a porta. Bernardo diz que ela foi para Lisboa. Tosso pergunta a Dieter o que vão fazer agora. Bernardo diz que podem começar por pagar a fechadura.

Afonso discute com o pai sobre a barragem. Rui não quer falar disso, acha que não há nada a fazer, mas Afonso argumenta para que ele lute por todos.

Renata fala que já falta pouco para voltarem à cidade. Nuno diz que sentiu falta do silêncio. Renata diz mal de Luísa e Nuno desconversa, começa a falar da reunião.

Mia conta-lhe que Rui esteve lá em casa ontem, mas ela já estava deitada. Mónica mostra-lhe a fotografia de Joana e diz que devia pesquisar mais sobre Joana e a mãe.

Enfermeira prepara Armanda e sai. Armanda está entusiasmada ao contrário de Tó Calhau que está muito nervoso.

Renata liga a Nuno e diz-lhe que avise os jornalistas que está quase a chegar.

Tosso e Dieter avançam pelo corredor para o gabinete de Renata na construtora. Tosso diz que foi graças a ele que conseguiram entrar. Renata abre a porta do gabinete e dá de cara com eles. Dieter fecha-a com ele lá dentro impedindo-a de falar com os jornalistas.

Mónica não quer voltar a falar do q se passou com Helena e o vestido. Fala-lhe do divórcio, Paulo não estava à espera, mas ela diz que já sabem que vão ficar sem nada, dividem metade para cada um.

Tosso entra na sala de reuniões da construtora e diz que Renata não pode vir e discursa ele para os jornalistas. Tosso diz mal de Renata e diz que vão lutar até ao fim para que a barragem não avance.

Renata quer sair, mas Dieter não deixa, diz-lhe que quando um homem não tem nada a perder é capaz de cometer uma loucura. Renata fica em pânico.

Tosso fala emocionado para os jornalistas, pede que revelem ao mundo esta tragédia e diz-lhes que vão fazer de tudo para a barragem não ser construída.

Nuno abre a porta com outra chave e depara-se com Dieter. Renata sai para ir pedir ajuda. Dieter bate em Nuno que os impedia de sair.

Renata pede desculpas pelo incidente e responde às perguntas de Jorge sobre não quererem a barragem. Renata diz que se trata de uma minoria.

Lara preocupada porque só recebeu uma mensagem de Dieter a dizer que “afinfou” em Nuno mas agora não lhe atende o telemóvel. Mia vai espreitar os jornais para ver se falam alguma coisa sobre isso.

Armanda não acredita que afinal não está grávida. Tó desajeitado, mas muito querido tenta reconfortá-la, diz que ainda vão ter uma equipa de futebol.

Renata furiosa, Nuno diz que eles fugiram, ainda levou um murro de Dieter. Renata preocupada com as declarações que Tosso deu, pode mudar tudo.

(conclusão)

Por Ti

 

Episódio 110

 

 

Destaques

Parecer do governo aprova a submersão das duas aldeias.

 

Orlando reza, quando Isabel interrompe para lhe contar sobre as perspetivas de cura que o médico deu a Miguel. Orlando vai escrevendo num papel para comunicar com ela, fez um voto silêncio e hoje não fala.

Renata pergunta a Luísa se interrompeu alguma coisa de manhã com Nuno. Luísa faz-se desentendida e ataca-a que ela se preocupa demasiado com a vida dos outros. Luísa sai a dizer que tem a polícia à sua espera. Zé interroga-os, mas todos negam ter visto Mia dar-lhe um estalo. Renata diz que estão a mentir, sai furiosa com Luísa.

Rita avisa que é ela que manda. Adelaide não consegue entrar no tempo certo, quando consegue eles param e ela continua. Rita já está a ficar sem paciência com a falta de experiência dela.

Armanda vê nomes de bebés enquanto Tó trabalha. Tosso dá-lhe os parabéns pela gravidez, Nuno tenta fazer conversa, mas Tó vai lá e diz-lhe que esqueça a mãe do filho.

Helena estava com saudades, só espera não se cruzar com Mónica. Ele diz que deve demorar, mas ela tem sido impecável com ele. Falam do acidente, Renata diz que foi agora interrogada por causa de Mia.

Luísa conta que todos disseram que não viram o estalo. Dieter pagava para ver a cara de Renata. Mia não sabe se deve agradecer, fica preocupada por eles.

Zé diz que ninguém confirmou a versão de Renata, Dulce não se admira, pois, todos a odeiam. Zé conta-lhe a possibilidade de Simão ser seu filho.

Renata tenta fazer conversa com Matias, mas ele não fala. Renata diz a Rui que já tem o parecer do governo e é positivo, as duas aldeias vão desaparecer.

Helena vem buscar água para Afonso, não aguenta a curiosidade e abre o porta-fatos que está na sala. Mónica apanha-a a mexer no seu vestido de casamento. Helena justifica-se, mas Mónica irritada, atira-lhe que só espera que o vestido tenha servido para a lembrar o que estragou. Helena acusa-a de fingir-se muito resolvida. Afonso entra e para a discussão.

Matias furioso confronta Renata, avança para ela com vontade de lhe bater. Rui tenta acalmar o pai, pede a Renata que saia.

Nuno acabou de contar a Luísa que as duas aldeias vão desaparecer. Bernardo ouve e finge-se transtornado.

Bernardo conta a Constança a novidade, vão mesmo avançar com a barragem. Constança e Bernardo dançam.

Xana faz várias chamadas para várias pessoas para arranjar casa onde ficar, mas ninguém está disponível. Pede ajuda a Tosso, que depois de negociar viagens de táxi, deixa-a ficar em sua casa.

Mia já sabe da discussão que teve com Helena. Mónica não sabe se vai conseguir continuar a fingir que está bem resolvida quando não está. Mia vai pedir a Afonso para avisar quando Helena vier à loja bio.

Mia percebe que Afonso não está e liga-lhe. Afonso diz que está tudo bem, mas precisava de ir a um sítio. Descansa Mia ao dizer q está com Eugénio, a quem pede desculpas por não ter acreditado nele, tenta perceber mais, mas Eugénio não gosta muito de falar das suas visões.

Matias diz que só não bateu em Renata porque estava lá Rui. Helena pede à mãe que não se enerve, mas ela diz que não consegue evitar. Tosso vai lutar contra a barragem, nem que seja a última coisa que faz na vida.

Mary Louise entra na oficina com a camisola molhada. Pede uma roupa a Tó Calhau e ele arranja-lhe uma manchada. Não quer pensar se Armanda vê-a em soutien ali com ele.

(conclusão)

Por Ti

 

Episódio 109

 

 

Destaques

Renata faz queixa de Mia por agressão.

 

Xana emotiva fala com Tó e diz que aceita o neto, não queria ser avó, mas não pode ser tudo como ela quer. Chora por causa de Neca. Tó também chora, admite que não queria ser pai neste momento, mas agora já está.

Mónica fala com Mia sobre a persistência dela em ter conseguido que Afonso ficasse lã em casa. Dieter entra na cozinha sem as cumprimentar, de boxers e estremunhado. Lara vem atrás muito atrapalhada e tenta levá-lo para dentro, diz que ele passou lá a noite. Dieter pergunta se pode tomar um duche. Mónica sem reação nem opção olha incrédula enquanto Mia ri da situação.

Rui não acha bem Afonso ter ido para casa de Mia, pede a Tó que o convença a ir para casa. Tó diz que o deixe estar a ter mimos da namorada. Orlando toca guitarra, eles comentam que ele queimou os fusíveis e não anda nada bem.

Renata está ajoelhada a rezar e não se apercebe da entrada de Helena na capela. Esta hesita por uns instantes, mas decide sentar-se muito perto de Renata que se mantém em silêncio. Helena pergunta se Renata está arrependida de alguma coisa, deixa-lhe aviso que uma mãe é capaz de tudo por um filho. Renata diz que não é mãe, mas foi filha e tem bem presente o que a mãe sofreu para a proteger.

Lara pede desculpa a Mónica por causa de Dieter. Mónica quer que ela tenha cuidado por causa dos pais. Neca pede a Mia para o acompanhar ao posto para depor perante a queixa de agressão e ofensas à integridade física da doutora Renata Jones.

Helena diz a Paulo que gostava de cuidar do filho. Paulo tranquiliza-a e diz que Mia vai cuidar bem dele. Explica-se sobre o que aconteceu no restaurante, diz que tinha acabado de sentar-se com Mia e não ia deixar de o fazer porque Mónica também estava, quando Helena chegou ao turismo. Helena diz que está tudo bem, volta a falar do divórcio com um tom mais desagradado e ele pede que confie nele, achando piada aos ciúmes dela.

Rui é cordial, mas mostra alguma frieza no trato com Renata, quer saber sobre a evolução da barragem. Renata ainda não tem nada de novo para lhe dizer, mas mal saiba será o primeiro a saber, pede que confie nela.

Neca pede a Mia para colaborar, mas ela diz que não vai falar, vai esperar que ela prove que foi agredida. Dulce diz que o mais certo é Renata avançar para tribunal, Mia acha que consegue lidar com isso.

Zé comenta que Renata fez queixa de Mia, Bernardo não sabe disso, pois quem deu a aula foi Luísa. Zé pede que Luísa junte todos os alunos que estavam presentes na aula e depois lhe ligue para ouvi-los contar o que se passou.

Xana admite que errou quanto a Lara, mas quer saber com quem é a mulher do bilhete. Dulce mete-se na conversa, volta a dizer que Neca não tem nada a ver com o bilhete, mas Xana não acredita, Neca passa-se e grita-lhe que está farto das desconfianças dela.

Mia foi ao posto por causa da queixa que Renata fez. Diz a Afonso que não admitiu nem negou, mas não foi prudente ter-lhe batido em frente a outras pessoas.

Mónica fica surpresa ao ver Paulo na cozinha de casa, ele diz que veio buscar umas coisas para a cozinha e fala-lhe no divórcio. Mónica diz que já percebeu que lhe está a atrasar a vida e que também deve incomodar Helena.

Nuno explica a Luísa que a tosta foi uma desculpa para fugir a um trabalho, mas Luísa não está interessada em saber mais. Ficam próximos e ele beija-a. Renata não vê o beijo, só a proximidade e fica desagradada.

Amélia está muito queixosa por causa da barragem, acusa Tosso de agora estar preocupado, pois quando era só a aldeia nova não queria saber.

Xana aguarda o cliente que já está atrasado, quando aparece Neca, diz que foi ele que pediu para reservar o táxi. Neca quer entender-se com ela, mas Xana continua a achar que ele a traiu e diz que vai viajar.

Luísa fica irritada ao saber que tem de juntar os alunos da aula de meditação porque Renata fez queixa de Mia. Bernardo diz que podia chamá-los perto da hora de jantar. Luísa diz que vai contactar todos.

Armanda fala que gostava que Afonso e Mia fossem pais ao mesmo tempo que ela e Tó. Afonso diz que ainda não estão nessa fase.

(conclusão)

Por Ti

 

Episódio 108

 

 

Destaques

Afonso recupera.

 

Na tasca, Zé exagera a contar a história de salvamento de Afonso. Simão está pouco interessado, pergunta a Tosso se Adelaide demora muito.

Carlos sente-se humilhado, diz que não tem outra opção e sai. Renata diz que não têm provas contra ela, ela sabe fazer as coisas. Mia acha que perderam a luta contra a barragem. Afonso pergunta que história é essa de a ter agredido. Mia diz que só deu um estalo a Renata. Afonso deixou mensagem a Carlos para falarem, Mia diz que ele não é de confiança. Afonso finge-se com dores para ter a atenção dela.

Isabel está chateada porque é mesmo verdade que a filha vai mandar fazer o vestido casamento. Lara fica triste em não ter o apoio da mãe e pede ajuda a Mónica com o vestido.

Miguel diz a Isabel que há esperanças no caso dele, o médico vai estudar que testes vai ter de fazer. Isabel fica radiante, ele insinua-se e seguem para o quarto.

Xana pede ajuda a Eugénio para ver quem anda a meter-se com Neca, mas Eugénio não consegue ajudá-la. Xana fica indignada por ele achar que ela é egoísta, mas acaba a conversa a pedir para dormir ali. Não quer ir para casa.

Neca fala da cena que Xana fez por causa de Lara. Zé diz-lhe para aproveitarem o silêncio em casa sem ela. Neca faz botinhas de crochet para o neto, sempre achou que Tó ia ser como Zé, solteiro e sem filhos, mas enganou-se. Zé quase se descai que é pai, mas disfarça.

Renata está radiante, conta o que se passou no hospital. Nuno acha que ela arriscou em ir lá com Carlos. Renata quer festejar, mas Nuno afasta-a e sai.

Nuno improvisa mal vê Bernardo, pergunta pela tosta. Bernardo fica confuso, não se lembra de ter pedido. Renata segue para o lobby. Bernardo quer falar das indemnizações, mas Nuno diz que não tem tempo.

Carlos vem justificar-se a Mia, eles ameaçaram a família e não podia arriscar. Fala-lhe que Renata o vai ajudar e vai ficar a trabalhar no grupo Jones.

Rui veio ver como Afonso está, não lhe apetecia cruzar-se com Mia nem com Helena. Rui diz ao filho que quando ele sair do hospital, vai esforçar-se para estar mais presente na vida dele, não o quer perder.

Renata cruza-se de propósito com Mia e pergunta se veio ver se tinha Carlos escondido. Mia diz que não e avisa que o poder dela vai acabar. Mia pede desculpas a Constança pela confusão que provocou de manhã na aula de meditação.

Bernardo pergunta a Renata se está tudo bem, quer falar da barragem e das indemnizações. Renata diz que não há novidades.

No turismo, Mónica está a contar a Paulo uma das histórias que ouviu de alguém da aldeia. Riem-se cúmplices e divertidos. Helena aparece e fica insegura ao vê-los. Paulo levanta-se e vai ter com ela

Paulo pergunta se veio jantar. Helena atrapalhada, mente e diz que estava ali perto e passou só para lhe dizer olá. Falam de Afonso, Helena diz que está exausta e vai para casa.

Eugénio cauteloso chama Xana, ela acorda quando Zuzu se levanta e vai para a rua. Xana nunca pensou que ele a ajudasse. Ele diz-lhe para não se esquecer do que falaram.

Neca mostra a Dulce o que fez para o neto/a, diz que não tem descansado nada por causa de Xana. Renata faz notar a sua presença ao entrar no posto, precisa dos serviços deles.

Afonso diz que vai para casa de Mia, ela diz que cuida dele. Helena ainda tenta argumentar, mas acaba por aceitar e dá a receita a Mia para ela ir à farmácia.

Amélia queixa-se com dores nas costas. Mary oferece-se para ajudar com terapia alternativa e consegue tirar-lhe as dores. Armanda fica num misto de inveja e surpresa.

(conclusão)

Tags
Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>