Rubricas

Retrospetiva 2014 | Janeiro

2014 Retrospetiva

Relembrados e homenageados que foram aqueles que nos deixaram em 2014, é altura de fazer uma retrospetiva daquilo que aconteceu na televisão em 2014 de uma forma geral. Retrospetiva 2014 é o nome da nova rubrica do A Televisão que lhe fará companhia nos próximos doze dias, com crónicas diárias que abordarão os meses do ano que terminou há dias.

Janeiro foi um mês repleto de acontecimentos, mas que se focaram essencialmente em torno do The Voice Portugal, Vasco Palmeirim, Mariana Monteiro, João Paulo Rodrigues, Queridas Manhãs, Factor X, O Beijo do Escorpião, Rising Star e MasterChef Portugal.

Neste mês foram revelados os nomes dos jurados do The Voice Portugal, assim como os apresentadores, com a RTP a segurar Vasco Palmeirim perante o assédio da TVI. Ele chegou foi em 2014 uma das figuras mais presentes na grelha da estação pública, com Sabe ou Não Sabe? e ainda The Voice Kids. Desta forma, foram contrariados os rumores que davam como certo o nome de Vasco Palmeirim ao lado de Leonor Poeiras na condução de Rising Star, formato esse que no Brasil foi adquirido pela Globo.

Outro dos nomes que neste mês começou a estar envolto em rumores de uma possível mudança de estação foi Mariana Monteiro, que estaria em negociações com a SP Televisão, depois negada pelo seu agente, mas que se vieram a confirmar mais tarde, com a sua transferência para a RTP e dando a cara por vários formatos quer ao nível de ficção quer no entretenimento, mas desses falaremos mais nos meses de estreia.

Herman José também esteve nas bocas da imprensa pelo facto da SIC e TVI lhe terem, alegadamente, fechado as portas e o diretor-geral da RTP – Luís Marinho – terá considerado que o humorista não seria um «grande» apresentador. Curioso o facto de meses depois ter assumido a condução das tardes da RTP1.

Na SIC, depois de «anos […] de olho nele», Júlia Pinheiro tinha finalmente um parceiro para as suas Queridas Manhãs, com a saída de João Paulo Rodrigues da TVI para a estação de Carnaxide. O apresentador terá inclusivamente deixado Queluz de Baixo «magoado», no final do ano anterior.

Já no entretenimento do canal, Factor X continuou em antena e Berg foi acusado de estar «ilegal» naquele formato que viria a vencer. Apesar de não ter tido os resultados desejados, a verdade é que a SIC voltou a apostar em João Manzarra com Cláudia Vieira para uma segunda temporada.

Na TVI o destaque foi para o Desafio Final 2, que muitas polémicas gerou. Zézé Camarinha esteve ao barulho, assim como as queixas à ERC. Ainda assim, a estação de Queluz de Baixo saiu «ilesa» de todas essas queixas.

Também O Beijo do Escorpião começou a ser promovida como a «salvadora» das audiências da TVI, com Sara Matos a ser a vilã, Dalila Carmo a regressar a este género de ficção e Pedro Teixeira satisfeito por integrar este projeto e trabalhar com Sara Matos, depois de terem estado juntos na primeira edição do Dança com as Estrelas (e que mais tarde muita tinta fez correr na imprensa nacional…).

Na Plural, soube-se que Luís Esparteiro deixava a direção de conteúdos da empresa. Na base desta decisão terão estado várias polémicas que geraram mal estar no seio da empresa que trabalha para a TVI.

Masterchef Portugal foi outro dos formatos que esteve em antena neste mês e entrou inclusivamente na sua reta final, gerando boas audiências na antena da TVI. Depois de ter sido exibido na RTP, o formato transferiu-se para Queluz de Baixo e Manuel Luís Goucha regressou à cozinha, vários anos depois.

Estes foram os destaques do primeiro mês do ano, nesta Retrospetiva 2014.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close