fbpx
Resumos

«Sol de Inverno»: resumo de 28 de outubro a 3 de novembro

Laura visita Teresa, que ainda está atordoada pela anestesia a que foi submetida. Perante a debilidade da filha, a empresária conta que todos na empresa estão determinados a encontrar um novo dador, garantindo que não a vai deixar desanimar.

Salvador e Beatriz regressam a casa e descobrem que não têm água. Ela percebe que tem de desmarcar o jantar que combinou com a mãe.

Sofia organiza uns desenhos que fez quando Beatriz entra em casa com compras nas mãos, queixando-se de dores nas pernas por passar muito tempo em pé na loja de roupa. Sofia conta que Joana se enfiou no quarto e que o pai, Adelino, tinha um serviço longe e que a avisou que deve chegar mais tarde. Sofia conta à irmã que vai jantar a casa da filha mas Matilde liga entretanto, avisando que o jantar tem de ficar para outro dia, por não ter água em casa. Beatriz fica contente por poder desfrutar da companhia da irmã.

Luís empenha-se ao máximo no treino de Margarida e corrige-a com veemência quando percebe que ela não está a conduzir bem o cavalo que está a montar. Ela diz que está muito cansada mas o treinador insiste para que prossiga o trabalho.

Salvador diz a Matilde que tem de chamar alguém para resolver o problema da falta de água e admite, sem qualquer problema, aceitar a oferta de Sofia para tomar banho a sua casa. Matilde fica tranquila com o comportamento do namorado. Salvador pensa pedir a Carlos que se encarrega de descobrir porque é que eles não têm água em casa.

Rosa e Horácio levam Vasco para a casa do pai e Manel, depois de ficar a sós por alguns momentos com os ex-sogros, faz questão de lhes dizer que não vai permitir que Ana queira relacionar-se com o filho, como se não tivesse desaparecido durante anos, sem dar notícias. Horácio assume os erros que a filha cometeu mas Rosa defende o seu direito a estar com Vasco. Manel garante que a guarda do filho só vai decidir-se em tribunal, pois não aceita que a ex-mulher queira obter a guarda total da criança.

Beatriz descobre por acaso uma lamela de comprimidos em cima da cama de Joana e quando ela aparece com um copo de água na mão pergunta-lhe o que anda a tomar. A filha mente e diz que tem uma alergia e que o médico a mandou tomar a quantidade que precisasse. Beatriz não insiste mais por perceber que Joana está muito irritada e a filha também muda de assunto perguntando se o avô já voltou a dar notícias. Sofia decide ir até à central de táxis á procura de Adelino.

Isabel acaba por confessar a Lurdes e Jacinto que foi ela e Horácio a comprar-lhes o frigorifico novo. O casal reconhece que já engoliu o orgulho e mostra-se grato pela ajuda que está a receber. No entanto, Jacinto faz questão de dizer que quando restabelecerem a vida, saldarão as suas dívidas.

Artur e Concha conversam no bar da praia e ele assume que tem de procurar emprego. Ela, por seu lado, critica a mãe por viverem só do que a horta do palacete dá, partilhando tudo com todos, sem sequer cobrar as dormidas na pensão. Concha pensa mesmo em tomar conta do negócio, para que não tenham de viver com o dinheiro à justa.

Fátima diz mal da foto que Mariano colocou como capa no facebook e compara-a com a sua, ousada e provocante. Lé avisa-a de que pode atrair gente interessante mas também pessoas que só a querem conhecer por causa do físico. Mariano aparece nesse instante, muito desmoralizado e conta que o avô quer que ele o represente em tribunal. Fátima não ajuda com os seus comentários depreciativos mas Lé garante que se já arranjaram uma solução antes, também vão arranjar agora, fazendo com que o avô de Mariano não saiba que o neto, afinal, é livreiro e não advogado.

Sofia regressa a casa muito preocupada, sem notícias do pai. Beatriz e Joana partilham da mesma ansiedade e Sofia decide ligar para a polícia.

De manhã, castigadas por uma noite em branco, Sofia e Beatriz interrogam-se sobre onde andará o pai. Joana está também ansiosa ao pé da mãe e da tia. Nesse momento, Sofia recebe uma chamada da polícia que informa ter encontrado o táxi de Adelino. As irmãs apressam-se a ir para o local e Sofia diz a Joana para que não as acompanhe para poder ir trabalhar.

Sofia e Beatriz chegam ao local onde foi encontrado o táxi do pai e apanham um susto ao perceberem que existem vestígios de sangue. No entanto, acabam por ficar mais aliviadas quando a polícia lhes mostra o cadáver que está na bagageira. Ao invés de comprovarem a morte de Adelino, Sofia e Beatriz olham para o corpo de um dos assaltantes, que exibe um tiro no peito. (conclusão)

 

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News