fbpx
Geral

António Costa anuncia medidas para o novo confinamento. Escolas não fecham

Primeiro Ministro António Costa, Portugal, Novas Medidas Confinamento
Reprodução

O primeiro-ministro, António Costa anunciou esta quarta-feira, as medidas de confinamento geral, que entram em vigor às 00h00 de 15 de janeiro, e que deverão estar em vigor durante um mês.

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou as medidas de confinamento geral, que entram em vigor às 00h00 de 15 de janeiro, de forma a travar a pandemia da Covid-19 em Portugal.

António Costa realçou, no início da sua intervenção, que este é um momento em que “temos de nos unir para travar a pandemia“. O primeiro-ministro diz que é necessário “regressar ao dever de recolhimento obrigatório como tivemos em março e abril“, que vai entrar em vigor às 00:00 de 15 de janeiro.

Temos de ficar em casa. Essa é a regressa essencial“, frisou.

Escolas vão continuar em funcionamento

“Vamos manter em pleno funcionamento todas as escolas”, afirmou António Costa.

Agora, o teletrabalho é imposto sem ter de haver acordo entre entidade patronal e trabalhador e é sempre obrigatório, quando possível. “É muito grave a coima de violação desta obrigação“, disse o primeiro-ministro.

As coimas previstas de violação das normas relativas à pandemia – como não usar máscara na via pública – “são duplicadas”, referiu ainda.

Medidas Confinamento 15 De Janeiro Covid-19

Veja em direto:

Leia também: Se ganhar! André Ventura só festeja o 25 de abril se se assinalar o 25 de novembro

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News