fbpx
Famosos

Paulo Battista e mulher recordam morte de filha à nascença: “Não foi nada fácil…”

Paulo Battista, Mulher Susana, Júlia
SIC

Paulo Battista e a mulher, Susana, perderam uma menina devido a uma embolia pulmonar.

Na passada quinta-feira, 31 de março, Paulo Battista e a mulher, Susana, estiveram à conversa com Júlia Pinheiro, e recordaram a perda de uma filha, Leonor, que morreu à nascença.

Perdemos a Leonor, foi muito duro principalmente para a Susana, que foi uma guerreira. Não foi nada fácil”, começou por dizer o alfaiate.

Foi uma gravidez complicada, teve uns problemas iniciais que depois se descobriu que não eram nada. No fim, descobriu-se que a menina estava com uma embolia pulmonar. A opção dos médicos foi esperar um fim-de-semana, e quando chegou a segunda-feira, para fazer a cesariana, a embolia já tinha destruído os órgãos”, explicou Susana.

Sente que foi negligência?”, questionou Júlia Pinheiro, ao passo que Susana respondeu: “Eu acho que não, não os quero acusar. Posso pensar que, se tivessem feito a cesariana logo quando foi descoberto, poderia ter-se salvo a menina. Mas para eles também era uma novidade, não são coisas que acontecem. Se calhar, procederam da maneira que acharam que era melhor proceder. Quero acreditar que seja assim”.

Paulo Battista sublinhou que foi uma fase muito dura e complicada, principalmente para a esposa, uma vez que, quando deu à luz, já sabia que a menina não tinha vida.

O parto foi horrível. Foi muito duro para ela, porque teve de ter um parto exatamente igual a todos os outros”, explicou o alfaiate, recordando que a menina já era grande e tinha quase três quilos.

Viram-na?”, questionou Júlia. “Eu estive com ela ao colo. Tinha de ser assim”, respondeu Susana.

Paulo e Susana estão juntos há 23 anos e têm três filhos em comum.

Leia também: Francisco Moita Flores está no centro da polémica: “Estou farto de pulhas desses”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News

<>