Famosos

Diogo Carmona foi detido dias antes do acidente por ameaçar de morte a mãe

Instagram

No final do mês de outubro, dias antes do acidente que lhe arrancou parte da perna esquerda, Diogo Carmona foi detido pelas autoridades e passou uma noite no interior de uma cela.

O motivo da detenção prende-se com o facto de o ator ter proferido “ameaças de morte à mãe” e de a ter agredido fisicamente, segundo apurou a revista TV 7 Dias junto de uma fonte da GNR.

À mesma publicação, o artista, de 22 anos, pronunciou-se sobre o assunto. “O senhor agente disse que me dava duas opções: ou saía de casa ou prendia-me. Eu disse que não saía porque aquela era a casa onde eu vivia. Então ele encostou-me, algemou-me e deteve-me. Passei a noite numa cela e depois estive noutra cela o dia inteiro, no tribunal“, explicou.

Devido a tal acontecimento, Diogo Carmona acabou por sair em liberdade, mas ficou sujeito a termo de identidade e residência.

Sobre os conflitos entre o ator e a mãe existem, essencialmente, dois pontos. Um relaciona-se com o facto de, alegadamente, a mãe, Patrícia Carmona, lhe ter ficado com 200 mil euros e de não os devolver. O outro deve-se ao tal episódio relatado de violência doméstica. Este último está já em tribunal, colocando frente a frente os dois familiares.

Entretanto, Patrícia Carmona fez chegar às redações uma declaração na qual aborda toda esta polémica.

Para ler aqui:

Mãe de Diogo Carmona faz declaração pública para esclarecer polémica com o filho

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News