TVI

TVI tenta evitar saída de Fernanda Serrano para a SIC

A Altice, que comprou o grupo Media Capital, está a mexer na gestão da TVI, em particular na Plural, a produtora de novelas do canal de Queluz, cortando nos orçamentos das novelas e nos ordenados dos atores, conforme foi noticiado pelo A Televisão.

O corte de 50% no ordenado dos atores mais jovens e de 25% dos atores veteranos levou a que diversos atores tivessem dado negas à TVI, recusando aceitar participar em certos projetos.

De acordo com a revista TV7 Dias, Fernanda Serrano foi uma das atrizes que rejeitou o seu papel na nova novela A Herdeira. Aliás, a atriz era apontada como uma das personagens principais da produção e, após a história de redução dos salários, Fernanda Serrano pensou em mudar-se para a SIC.

«A Fernanda está sem trabalho desde setembro do ano passado. Era para ter participado no Onde Está a Elisa?, mas a Plural acabou por não a chamar o que a deixou muito triste. A história dos cachets de A Herdeira também a deixou chateada», referiu fonte da Plural. Desta forma, para não deixar escapar a atriz para a estação de Carnaxide, a TVI resolveu «passá-la para a outra novela, Condição Humana, sem prejudicar o ordenado», afirma a mesma fonte.