fbpx
TVI A Entrevista Big Brother

Susana Dias Ramos: “Sou muito direta, invasiva e interventiva durante as consultas”

Susana Dias Ramos Big Brother
Instagram

Índice

Susana Dias Ramos falou de vários assuntos, em entrevista exclusiva ao ‘A Televisão’, nomeadamente dos métodos que utilizada nas suas consultas, de uma polémica em que se viu envolvida e na experiência que está a ser o Big Brother.

Susana Dias Ramos falou de vários assuntos, em entrevista exclusiva ao ‘A Televisão’, como uma polémica em que se viu envolvida e na experiência que está a ser o Big Brother.

Respondeu, recentemente, numa entrevista que respeita a psicologia clássica, mas usa outros métodos diferentes nas suas consultas. Porquê? E o que faz de diferente?

Sou muito direta, invasiva e interventiva durante as consultas. Partilho experiências, dou opiniões, troco mensagens se assim necessário, para ajudar em algo. Foco-me muito mais na felicidade e equilíbrio da pessoa que me procura, do que na ética que seria importante manter no respeito de distâncias e afins. Não evito um conselho se achar que é válido e, se possível, ajudo fisicamente, estando presente em algum momento mais delicado!

A psicologia clássica preconiza outro comportamento bem distinto que não considero bom ou mau, mas não me identifico, e prefiro trabalhar o ser de outra maneira!

Susana Dias Ramos
Instagram

Mostrou-se perplexa devido à depressão continuar a ser um tema tabu. Na sua opinião, porque é que as pessoas ainda têm receio de falar neste assunto abertamente?

Quem nunca passou por situações relacionadas com a saúde mental tem muita dificuldade em entender que elas existam, e percecionar como se desenvolvem e comprometem o organismo!

As pessoas, muitas vezes, consideram uma fragilidade enorme, e não partilham devido ao risco que correm às mãos da sociedade. Era bonito pensarmos que passamos por aqui para nos protegermos uns aos outros, mas a realidade é outra bem distinta, e num local de emprego, por exemplo, são um risco tais partilhas!

E o sexo continua a ser um assunto tabu no século XXI?

As pessoas gritam aos sete ventos que não, que estamos com as mentes mais abertas e que já se permitem filmes e novelas mais picantes, mas a realidade é que só mesmo nos filmes e nas novelas!!!

Todos os dias me confronto com problemas que nem deveriam existir na cabeça das pessoas, mas existem. E existem porque há temas tabu sim, e todo o sexo que não exista entre um casal no recanto do seu quarto continua a ser tabu!

Susana Dias Ramos Big Brother
Instagram

Há poucas semanas surgiu um artigo numa revista que dava conta que a Susana Dias Ramos não é psicóloga nem sexóloga como diz ser. Como reagiu a este artigo na imprensa? O que tem a dizer sobre isso?

Não reagi. Na realidade porque não me apetece alimentar este tipo de desinformação. Ninguém me questionou porque estaria ou não inscrita na ordem, ou se precisaria de estar para fazer o que faço profissionalmente. Partiram do pressuposto que não estando não teria curso nem especialização.

É só falta de informação, e da grave, ao ponto de escreverem que eu estaria a fazer uma usurpação de título, crime punível por lei! Foi só ridículo!!!

Quem quiser recorrer aos seus serviços como pode fazer?

Nas minhas redes sociais encontram com muita facilidade os contactos diretos à clínica ou à minha assistente. Ou se enviarem mensagem privada… serão disponibilizadas todas as informações.

Susana Dias Ramos, Big Brother
Instagram

Big Brother

Alguns comentadores já foram alvo de ataques de violência verbal. Já sentiu isso na pele? Como reage?

Já li muita coisa desagradável nas minhas redes sociais, como se toda a minha vida girasse à volta do BB. Inicialmente ainda me dava ao trabalho de responder. Depois entendi que quando se está na esfera do fanatismo não vale a pena, por isso apago, bloqueio e sigo a minha vida. Acho que só devemos ter em nossa casa quem queremos.

Qual é o feedback que tem recebido, até ao momento, dos fãs do reality-show?

Tem sido bom! Eu pessoalmente não me posso queixar das coisas que tenho lido!!!

Qual é o comentador com que mais se identifica. E qual é aquele com que menos se identifica?

É difícil conseguir resumir assim a dois porque somos todos tão diferentes uns dos outros… e depende dos dias se tenho mais ou menos identificação. Importante é que eu acho que esta diferença é que faz sentido e aumenta a dinâmica…

Já tem algum concorrente do ‘Big Brother – Duplo Impacto’ favorito?

Tenho… mas não vou contar!!! (risos)

É especializada em Terapia de Casal. Acredita no futuro da relação entre Bruno Savate e Joana? E entre Gonçalo Quinaz e Jéssica Nogueira?

Só o exterior e o dia a dia é que lhes vão dar a possibilidade de realmente se conhecerem, e decidirem o futuro a dois. Mas penso que acredito menos neles quando vejo as interferências da família aqui fora. Espero que, a quererem estar juntos, lutem juntos por esse objetivo!

Leia também: Quintino Aires defende-se das críticas: “Eu trabalho 80 horas por semana”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News