fbpx
TVI

Rui Maria Pêgo revela reação de Júlia Pinheiro quando contou ser homossexual

Rui Maria Pêgo
TVI

Rui Maria Pêgo foi o convidado deste sábado do programa ‘Conta-me’, da TVI. O apresentador esteve à conversa com Manuel Luís Goucha e recordou o dia em que assumiu publicamente que é homossexual.

Foi assim que os pais reagiram à notícia…

Aos 19 anos, Rui Maria Pêgo revolveu contar aos pais que é homossexual.  “O grande problema dela era o que é que me aconteceria“, começou por contar, recordando a reação de Júlia Pinheiro. “A reação dos dois foi de medo e de alguma raiva por eu não ter dito mais cedo“, disse.

Em 2016 tornou pública a sua orientação sexual. Na altura, trabalha na Rádio Renascença e ficou com receio de sofrer consequências.  “Tinha medo na rádio porque achei que podia ser despedido, mas aconteceu o contrário e tive ainda mais visibilidade. Não houve dúvidas nenhumas sobre a minha continuidade”, explicou.

Educação conservadora

“Para pessoas vanguardistas, sou um beto chato”, disse ainda, recordando que veio de um círculo conservador. “Vivi num contexto em que em casa era livre, mas na escola não era. Venho de um círculo muito conservador, católico e beto (…) Se ando numa escola que persegue a diferença, e sou diferente… é um convite para sofrer. E sofri muito“, recordou.

“Acho que já achava alguma graça aos rapazes da minha turma, mas não percebia muito bem o que era“, contou ainda, afirmando que também não conseguia falar sobre o assunto em casa.

Rui Maria Pêgo frequentou o curso de Direito na Universidade Católica, por pressão dos pais.  “A minha mãe chagou-me a cabeça até mais não, chegou a um ponto em que saí de casa”,  recordou, lembrando que se dedicou posteriormente a História.  “Não tenho uma carreira em televisão porque sou filho da minha mãe“, rematou, sem medos.

Leia também: Rui Maria Pêgo é insultado por mãe homofóbica e dá resposta arrasadora

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News