fbpx
TVI

Revelado o motivo de Fátima Lopes ter saído da TVI

Fatima Lopes Cristina Ferreira

Fátima Lopes decidiu rescindir contrato com a TVI depois de saber que não seria “apresentadora de primeira linha” nos próximos tempos no canal de Queluz de Baixo.

Fátima Lopes decidiu rescindir contrato com a TVI depois de saber que não seria “apresentadora de primeira linha” no canal de Queluz de Baixo.

A apresentadora saiu da TVI a ganhar 7.500 euros mensais, menos dois terços do ordenado que ganhava em 2020. A revista Nova Gente revela o que levou à guerra entre a Fátima Lopes e Cristina Ferreira.

De acordo com a referida publicação, tudo terá começado quando a diretora de entretenimento e ficção da TVI regressou ao canal, no verão passado, e substituiu Fátima Lopes por Manuel Luís Goucha nas tardes do canal de segunda a sexta-feira.

A gota de água terá acontecido quando a estação de Queluz de Baixo ofereceu o novo programa, ao estilo de ‘Perdoa-me’, que apresentou na SIC. “Assim que lhe comunicaram os novos projetos, ela ficou furiosa e demonstrou-o numa reunião que teve com a direção. No entanto, publicamente, sempre fingiu que estava bem para evitar confusões“, contou uma fonte do canal à publicação.

A Fátima ficou logo com a sensação que a nova direção não contava com ela como uma apresentadora de primeira linha e que aquele programa de fim de semana era provisório, uma coisa que iria durar três meses e nada mais“, referiu a mesma fonte, acrescentando: “Quando aquele formato acabasse, ela iria ficar no limbo, sem nada certo, e ficaria à mercê daquilo que a Cristina lhe quisesse dar. A Fátima não quis sujeitar-se a isso“.

Leia também: Diogo Faria surpreende Cláudio Ramos em dia especial

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News