fbpx
TVI

«Pesadelo na Cozinha»: Um chef que não manda nada e uma proprietária que manda demais

Captura De Ecrã 2017 03 20 Às 14.46.11 1 1 «Pesadelo Na Cozinha»: Um Chef Que Não Manda Nada E Uma Proprietária Que Manda Demais

É já este domingo, a partir das 21h47, que a TVI transmite o terceiro programa do Pesadelo na Cozinha. Esta semana, Ljubomir Stanisic viaja até à Moita, terra de festa brava. É na Praça de Toiros que encontra o restaurante Tapas onde os problemas estão longe de ser conhecidos ao primeiro contacto.

O restaurante orgulha-se das suas paelhas e tapas que servem a aficionados dos touros e da gastronomia, mas os últimos tempos têm vindo a provar que a faena destes toureiros da cozinha deixa muito a desejar. As doses são enormes e claramente pouco rentáveis para os proprietários, os pratos nunca saem iguais e a frescura dos produtos já não é uma prioridade para a equipa da cozinha.

Jorge – o chef – herdou a paixão pela cozinha do seu pai, mas a chama foi-se apagando ao longo dos anos e isso é comprovado nos pratos e na sua atitude na cozinha. Cabisbaixo, sem confiança, desanimado, é assim que enfrenta a sua lide diariamente. A proprietária é Alexandra, a mulher de Jorge. Taróloga por paixão, há muito que deixou de ter tempo para o esotérico e trocou as cartas do baralho pelas do restaurante. Alexandra gosta de ter tudo controlado: as contas, a cozinha, a sala. Ela é a voz de comando e a general das tropas na Moita. Sabe que o marido exagera nas doses, que nunca faz os pratos iguais e que não prima pela organização, mas será que o está a ajudar a perceber isso da melhor maneira?

Ljubomir percebe que não, mal entra na cozinha. Alexandra está constantemente na cozinha a gritar e a gerir pedidos, quando devia ser o chef a comandar a mesma. Mas o problema não está só na organização da equipa. Ljubomir percebe que as técnicas de confeção e os produtos estão longe de levar qualquer restaurante ao sucesso. É urgente recuperar a paixão de Jorge pela cozinha, que conta com a ajuda do enteado que está a aprender esta arte. Mão de obra qualificada não falta e o mesmo é provado na sala, onde Rute – empregada de mesa – sabe receber e gerir os pedidos com profissionalismo e um sorriso na cara.

Alexandra, a mulher polvo, com tentáculos em todas as áreas do restaurante, tem de aprender a delegar e a dar espaço ao marido para que este recupere a confiança e consiga fazer brilhar o seu trabalho. Não é tarefa fácil, mas a proprietária entende que tem de desapegar-se para que a gestão seja mais eficiente. Uma reviravolta nos produtos, nalguns pratos e na decoração lavam a cara ao Tapas que inaugura para um grupo de amigos onde um cliente especial dá a sua opinião sincera: o pai de Jorge aprova o trabalho do filho.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News