fbpx

Pedro Mourinho explica saída da TVI: “A minha passagem tinha perdido sentido…”

Tiago Ferreira
2 min leitura

Pedro Mourinho falou sobre a sua saída da TVI, dois anos depois de ter trocado a SIC pelo canal.

Pedro Mourinho decidiu abandonar a TVI para assumir um novo desafio profissional na CMTV. O jornalista foi convidado para integrar um papel de destaque na direção do canal e ainda ser pivô no novo espaço informativo da estação.

Em declarações à revista Nova Gente, Pedro Mourinho revelou as razões da sua saída da estação de Queluz de Baixo: “Senti que aquilo que me tinha levado para a TVI já não fazia sentido. A minha passagem estava esgotada, tinha perdido sentido. Não tem nada a ver com a apresentação do Jornal das 8, porque se tivesse continuado na TVI, hoje continuaria a ser pivô do ‘Jornal das 8′”, começou por dizer.

“Fiz parte de um projeto inicial de direção, que, entretanto, se esfumou um ano e meio depois, e que era liderado pelo Anselmo Crespo. E para mim deixou de fazer sentido. Porque eu gosto de trabalhar com pessoas da minha confiança. Fui convidado pelo Anselmo, pessoa de quem gosto muito e com quem tenho uma excelente relação”, acrescentou ainda.

O jornalista revelou que entregou a carta com a sua rescisão de contrato “no final de agosto” e que a sua saída foi “muito pacífica e até dolorosa até certo tempo”. Ainda assim, Pedro Mourinho foi nomeado para um novo cargo ainda na TVI, Editor-Geral de Antena, mas “nunca se chegou propriamente a concretizar porque eu fui para a Ucrânia”.

Leia também: Pedro Mourinho estreia-se na CMTV a liderar. Novo espaço informativo ‘ultrapassa’ a CNN Portugal

Relacionado: