TVI

Paulo Pires afirma: “A TVI não estava habituada a perder”

Paulo Pires/Instagram

Com Nuno Santos no cargo de diretor da TVI e Pedro Ribeiro como diretor de programas executivos, Paulo Pires mostra-se expectante quanto ao futuro do canal. O ator confessou que a estação de Queluz não está habituada a perder e, por isso, é necessário trabalhar para que as coisas melhorem. 

“Vejo estas mudanças com curiosidade. Obviamente que o que está a acontecer me interessa. Como todos sabemos, a TVI está em reformulação. Foi comprada, há gente a mudar”, começou por dizer em declarações aos jornalistas na gala dos Prémios E!.

“Estou disposto a lutar para que as coisas melhorem. A TVI não estava habituada a perder, agora é preciso trabalhar e fazer as coisas com um objetivo, nunca perdendo a qualidade, mas procurando que as audiências subam porque isso dá mais tranquilidade”, acrescentou.

Quanto ao trabalho de Felipa Garnel na TVI, o artista confessa que esta teve um papel “ingrato”. “Gosto muito da Felipa e sou muito amigo dela. Falei com ela quando ela entrou, porque fiquei muito contente, e falámos mais algumas vezes mas não tão regularmente. Não gostava de misturar o facto de ser amigo da Felipa com ela estar num cargo de chefia. Liguei-lhe o mesmo ou menos do que antes”, disse.

“Acho que a Felipa teve um papel muito ingrato porque entrou na TVI numa fase que não era fácil. A Ela tem imenso valor, mas as coisas são assim. O Nuno Santos é uma pessoa igualmente com imenso valor, percebe muito de televisão. Acredito que coisas boas aí venham”, finalizou.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News