fbpx
TVI

Manuela Moura Guedes não esquece saída da TVI: “Se fosse hoje, teria batido o pé”

Manuela Moura Guedes, Dia De Cristina, Tvi
Instagram

Manuela Moura Guedes esteve no ‘Dia de Cristina’, na terça-feira, onde abordou vários aspetos da vida pessoal e profissional.

A certa altura, um dos temas relacionou-se com a saída de Manuela Moura Guedes da TVI, onde chegou a ser pivô do então ‘Jornal Nacional’, às 20:00 horas, e membro da direção de Informação do canal.

Se fosse hoje, teria batido o pé. Mas eu fiquei tão em estado de choque que dei de barato. Teria dito não. Não é uma administração que manda numa direção de informação“, disse a jornalista.

Manuela Moura Guedes é homenageada no ‘Dia de Cristina’.

A filha da comunicadora, Madalena, de 25 anos, deixou um breve testemunho: “Queria mandar-lhe um beijinho meu, do Zé Maria e do Francisco [os outros filhos de Manuela Moura Guedes], que não puderam fazer este vídeo, mas queriam muito. Gostamos muito de si”.

De seguida, Manuela foi homenageada por Manuel Luís Goucha. “Assertiva, inteligente, informada, culta, que pensa pela própria cabeça… Não manda dizer por quem quer que seja. Ela marca a história da televisão em Portugal e, muito particularmente, a história do jornalismo. É das mulheres de quem mais gosto“, garantiu.

Em conversa com Cristina Ferreira, Manuela Moura Guedes falou também sobre a vida pessoal e profissional e abordou as inimizades que foi criando ao longo do seu percurso.

Eu sempre criei inimizades. Aliás, desde pequena. É uma coisa estranhíssima e gostava de saber por que motivo é que isso acontece. Às vezes, pergunto-me. As minhas amigas dizem-me que eu atemorizo um bocadinho e que intimido. E eu não percebo porquê. Mesmo em criança… E, pronto, há de ser sempre assim“, começou por dizer.

Lembro-me de que, quando estava na RTP, se fazia estudos sobre quem as pessoas gostavam ou não gostavam e a quem eram indiferentes. E eu recordo-me de que era a única pessoa de quem os espetadores não gostavam ou gostavam muito. Era a única a que ninguém ficava indiferente“, acrescentou ainda a companheira de José Eduardo Moniz.

Leia também: Manuela Moura Guedes incrédula com erro de jornalista da SIC: “Ignorância”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News