fbpx
TVI Big Brother

Mãe de Zena está desiludida com Teresa Guilherme

Zena Teresa Guilherme Big Brother

A mãe de Zena, Odile Pacheco, ficou irritada na gala de domingo do Big Brother, depois das lições de moral que Teresa Guilherme pregou à concorrente madeirense.

Estou desiludida com a Teresa. A forma como tratou a minha filha é de quem não tem filhos, de quem não percebe o que se passa na vida de um jovem adulto”, começa por atirar Odile, à TV Guia.

Vamos a ver: A Zena cresceu só com rapazes. Ela é a única menina de 10 netos da minha mãe. Está habituada a ter amigos rapazes, e de lhes dar carinho. Que é o que ela tem feito ao Renato. Não é mais nada que isso. Ela fez-lhe um cafuné porque são amigos. Fez aquilo sem qualquer malícia como querem dar a entender. Se a outra [Jéssica Fernandes] vê malícia naquela amizade, ela está feita no futuro”, continua, deixando como aviso à fadista.

A mãe de Zena garante estar a gostar da participação da filha no Big Brother. “Está a ser autêntica, calma… a minha menina”, diz.

Namoro e cenas quentes com André Abrantes

Já sobre o namoro com André Abrantes, mãe de Zena afirma que não se quer meter, mas acaba por dizer que acha o músico “imaturo” e que precisa de “crescer”, referindo-se às conversas que André tem tido com os colegas sobre a sua vida sexual na casa.

E qual é a vergonha? Ela gosta de chocolate, por isso come chocolate. E ela encara o sexo assim. Não sei se foi de facto o que aconteceu debaixo dos lençóis, se houve sexo ou apenas beijinhos como ela disse, mas se foi sexo só quero que ela tenha usado proteção. Desde os 16 anos que lhe expliquei que se quisesse estar com alguém que usasse sempre preservativo. Ela percebeu“, continua.

Mais, explicar-lhe isto não lhe fez querer ir para a cama com este ou aquele, bem pelo contrário. Até porque sei que ela só esteve com o ex-namorado e se aconteceu, agora, com o André. As pessoas deviam era encarar isto com naturalidade e não fazer disto um bicho de sete cabeças.”, refere Odile Pacheco.

A mãe de Zena só gostava que André Abrantes crescesse um bocadinho. “Ele tem 31 anos, a minha filha 21 e ele ainda tem aquelas conversas de tamanhos e coisas assim com os colegas? Ai meninos… Mas estarei cá para o receber, de braços abertos, caso a minha filha assim queira, mas gostava que ele percebesse quem é de facto a minha filha”, diz.

Contudo, para Odile Pacheco, o namoro da filha com André pode acabar em breve. “Ela tem um sexto sentido e acho que é isso que a faz pôr muitos travões a alguns avanços e a pedidos de namoro do André. Porque ela acha que as coisas depois podem correr mal. Sei que ele gosta da minha filha e que a Zena o acha engraçado, mas também sei, e por- que a minha filha já viveu uma relação muito forte e que a marcou, que ela está de ouvidos e olhos bem abertos”, garante. “Ela já sofreu o que tinha a sofrer na vida amorosa”, conclui.

Leia também: Cristina Ferreira quer mandar no próximo Big Brother: “Escolho eu os concorrentes”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News