fbpx
TVI

Luís Cunha Velho: «Temos os melhores [na TVI]»

Luis Luís Cunha Velho: «Temos Os Melhores [Na Tvi]»

A TVI comemora o seu 23º aniversário este sábado, dia 20. Nas palavras de Luís Cunha Velho, diretor-geral do canal, já são mais de vinte anos a criar «tendências» em Portugal.

Orgulhoso de «dirigir a TVI», Luís Cunha Velho realça a importância do canal no atual panorama televisivo. «Com uma oferta diversificada, temos, nos últimos anos, criado produtos que se adequam à necessidade de estarmos em novos mercados. A inovação tem sido a nossa palavra de ordem. Inovamos na ficção, somos pioneiros nos grandes formatos de entretenimento, temos uma informação que é referência para todos os ambientes, sociais, políticos ou económicos no País», escreveu na revista TV Guia.

Quanto ao futuro, o objetivo mantém-se: «Oferecer os melhores conteúdos da televisão portuguesa». «Temos as melhores equipas e os melhores apresentadores e atores, profissionais de quem me orgulho e que diariamente constroem a ponte de afectos e emoções que liga a TVI aos nossos espectadores», explicou.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

3 Comentários

Clique aqui para comentar

  • LOL… “oferecemos muita diversidade”! Têm exactamente a mesma programação – sem tirar nem por! – de segunda a sexta-feira, o horário nobre é sempre o mesmo, telejornal de 90 minutos (!) e as duas telenovelas, que agora duram um ano ou mais.

    “Formatos pioneiros no entretenimento”?… Deixa cá ver… derivados do “Big Brother” com a Teresa Guilherme a falar de namoricos e zangas, novas temporadas de “Dança com as Estrelas” ou “A Tua Cara Não Me É Estranha”, o que tem isto de “pioneiro”? Tudo mais que visto e revisto, ainda que alguns sejam bem produzidos e bem apresentados, o que merece mérito. A única coisa minimamente pioneira foi o “Temos Negócio” e foi exibido em late-night… estamos conversados.

    • Exatamente, Miguel. Concordo consigo 100%.A TVI é a Argentina, a Venezuela de Portugal.O que eu gostaria é que as televisões privadas INVESTISSEM A SÉRIO em outros formatos,isto é,mini-séries,séries e telefilmes. Os canais privados COPIAM-SE DESCARADAMENTE a toda a hora em tudo. É preciso dizer basta a isto. As telenovelas SÃO UM SUBPRODUTO de responsabilidade de José Eduardo Muniz e Nicolau Breyner.Tem que haver um jornalista no futuro que acabe de vez com esse paradigma. Histórias que duram 1 ANO OU MAIS???!!! E QUE TÊM 3 TEMPORADAS??!!. Deus me livre é
      um massacre diário esgotante para os atores e telespectadores. Os mais novos já não vêm televisão por algum motivo. ALGUÉM TEM QUE PARAR ISTO DE VEZ UM DIA DESTES.O desafio de Emídio Rangel no ano 2000 estava certo: Séries tipo Capitão Roby e telefilmes tipo Amo-te Teresa DEVERIAM TER SIDO a indústria e não telenovelas. Estou confiante que um dia isso vai acabar de vez.

  • Melhores profissionais ? Isabel Silva >> horrivel . Marta Cardoso >> horrível , Nuno Eiró >> horrível, Só para dizer 3. Aquela festa de aniversário de hoje lá numa discoteca com nome esquisito.. Aquilo foi o quẽ exactamente? Uma festa sem qualidade, sem aquele glamour que eu via nas festas da TVI. E aquilo foi aonde mesmo? Que lugar sinistro.

ATV News

<>