fbpx
TVI

Jornalistas do programa de investigação “Ana Leal” criticam cancelamento pela TVI

Ana-Leal
Reprodução

O programa de investigação ‘Ana Leal’ foi cancelado e a equipa de jornalistas que integrava o projeto está insatisfeita. O grupo criticou a decisão da Direção de Informação de cancelar este segmento dedicado ao jornalismo de investigação, considerando que a profissão “não está de quarentena”, apesar da pandemia.

Os jornalistas enviaram uma carta ao Conselho de Redação da TVI a que a agência Lusa teve acesso. O programa era transmitido de 15 em 15 dias, à terça-feira, e foi suspenso a 10 de março na sequência da propagação da pandemia.

Porém, “a equipa continuou a trabalhar sob as orientações da coordenadora Ana Leal”, apenas em “histórias sobre a temática COVID-19” e que seriam transmitidas no “‘Jornal das 8’ sempre que estivessem concluídas, mas agora sem dia nem hora marcados”, lê-se no documento.

Na carta é referido ainda que o Diretor de Informação, concordou manter “a marca de água ‘Ana Leal’ para que os espetadores soubessem que o programa estava vivo”, mas acabou por retirar a “respetiva autorização acordada com a jornalista Ana Leal, sem nunca explicar porquê”.

Fonte oficial da TVI explicou à Lusa que “os dois espaços de informação dedicados ao jornalismo de investigação estão suspensos até decisão contrária” e que “não há planos, nem data, para o regresso de qualquer um deles”. Já no que respeita à equipa de jornalistas estão “todas integradas no esquema de rotatividade” por causa da pandemia”.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News