fbpx
TVI

Helena Sacadura Cabral defende aposta de Fátima Lopes no horário nobre

12122458 1036369639727519 8221353953038467980 N Helena Sacadura Cabral Defende Aposta De Fátima Lopes No Horário Nobre
12122458_1036369639727519_8221353953038467980_N
«Viver a Vida a Amar» é o novo livro de Fátima Lopes

Decorreu ontem, no Hotel do Chiado, em Lisboa, a apresentação do novo livro de Fátima Lopes. Viver a Vida a Amar tem o selo da editora Manuscrito e já está à venda nas livrarias habituais. «É um livro onde falo de mim e do que a vida me ensinou», disse a anfitriã do A Tarde é Sua. A publicação resulta essencialmente do afastamento de Fátima Lopes do ecrã durante um mês, por razões de saúde. No início de 2014, a apresentadora ficou sem voz e aproveitou o tempo para refletir.

O evento de lançamento do livro teve lugar no Entretanto Rooftop Bar e contou com a apresentação de Helena Sacadura Cabral. A economista aproveitou a ocasião para comentar o primeiro projeto de Fátima Lopes nas noites de domingo da TVI. «O programa da Fátima em horário nobre [Pequenos Gigantes] é aquilo que ela sempre quis fazer». Helena Sacadura Cabral defende a longevidade da apresentadora na televisão. «Sinceramente espero que o horário nobre nunca perca uma apresentadora como a Fátima», rematou.

Fátima Lopes realçou ainda a liderança de Pequenos Gigantes nas noites de domingo da TVI. «Eu não perdi um único domingo». Estreado a 23 de agosto e com fim no dia 27 de setembro, o talent show conseguiu vencer sempre a concorrência e deu bons resultados à estação de Queluz. Por transmitir está a segunda edição, que foi gravada este verão e tem António Raminhos, Leonor Poeiras, Mia Rose e Miguel Guerreiro como mentores das crianças.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

3 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Concordo com a Helena Sacadura Cabral, a Fátima Lopes é uma excelente e multifacetada apresentadora, mil vezes ela no horário nobre do que a Teresa Guilherme com o seu teleponto ensaiado cheio de trocadilhos e piadinhas secas.

  • Não foi, em termos de audiência, grande coisa. è um formato onde se exploram as crianças algo proíbido por lei. Aliás, acho que deve haver uma definição ainda mais rigorosa da lei para acabar com estes espectáculos onde se metem crianças a fazer coisas de adultos, vestidas e pintadas como adultos. Não pode ser e é algo horrível de se ver,

  • Sou da mesma opinião a Fátima Lopes devia estar no Horário Nobre de domingo, e não a invejosa TG que só critica e critica e a Catarina deu-lhe 10-0 no programa low cost.

ATV News

<>