TVI

Confidência sexual! Manuel Luís Goucha admite que não funciona durante o verão

Instagram

Manuel Luís Goucha iniciou o programa desta terça-feira do ‘Você na TV’, na TVI, com uma confidência sexual. O apresentador explicou que não gosta de fazer amor no verão devido ao muito calor que, por norma, se faz sentir nesta época do ano. Ainda assim, como o tempo não tem correspondido às expectativas, assumiu que tem feito alguma coisa.

“Hoje, vamos falar de sexo no verão e de amor no verão com o doutor Quintino Aires”, começou por introduzir o comunicador, de 64 anos, antes de avançar com a revelação íntima. “Eu, por acaso, não funciono no verão. Sou como o Ferrero Rocher e o Mon Chéri. Saio de circulação e regresso em outubro. É verdade. A sério”, prosseguiu, para espanto de Maria Cerqueira Gomes e da plateia.

Mas o marido de Rui Oliveira não se ficou por aqui, optando por dar mais pormenores. “Eu odeio fazer amor no verão. Só se for em cima de um aparelho de ar condicionado”, continuou. “Este verão, como está muito ameno, até tenho feito alguma coisa”, admitiu ainda.

5
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
5 Comment authors
GilbertoO Almeida é parvoAlmeidaPedro Miguel Martins Batistamarcia cristina vieira neto Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
marcia cristina vieira neto
Visitante
marcia cristina vieira neto

e eu a pensar que o calor dilatava os corpos…

Gilberto
Visitante
Gilberto

E quem disse que um bife é um corpo ?

Pedro Miguel Martins Batista
Visitante
Pedro Miguel Martins Batista

Bem esse comentário, do calor dilatar os corpos e mito, coloque um bife na grelha e ele dilata ou encolhe?

Almeida
Visitante
Almeida

Náo tenho nada contra ,mas estas conversas na TV e para mim a forma mais nojenta para uma tv com audiência que ainda tem falar em amor sexo entre dois homens onde é esto vai

O Almeida é parvo
Visitante
O Almeida é parvo

E aqui temos o Sr. Almeida, que até nem tem nada contra, excepto que se fale sobre o tema pois considera nojento, inclusive questionando-se sobre “onde isto já vai”.

O Sr. Almeida não tem nada em contra, como aliás se vê nas notícias sobre sexo entre heteros em que o Sr. Almeida também, certamente, sentirá a necessidade de começar com “Eu não tenho nada contra”.

Qualquer texto que comece com a necessidade de sublinhar “Nada contra” ou “eu não sou racista”, é porque virá de alguém que sente comichão por o mundo, afinal, não querer saber do seu ponto de vista ignorante.

ATV News