fbpx
TVI

Carlos M. Cunha revela: “Substituí o Eduardo Madeira e houve um click da Cristina Ferreira”

Carlos M. Cunha, Festa É Festa

Carlos M. Cunha não podia estar mais satisfeito com a sua atual fase profissional e revelou que participa na trama ‘Festa é Festa’ após ter substituído Eduardo Madeira num evento da TVI.

Carlos M. Cunha dá a vida ao padre Isidro, em ‘Festa é Festa’ e não podia estar mais satisfeito. O ator esteve no evento que assinalou o 9.º aniversário da TVI Ficção e falou aos jornalistas.

“Está a ser muito agradável, muito interessante. Fazer um personagem que é na realidade um fiel da balança de uma aldeia de loucos acaba por ser interessante”, começou por dizer.

“Sendo a minha primeira experiência, de uma forma mais intensiva numa novela, dei-me conta de que tive a maior sorte do mundo em ter apanhado esta equipa extraordinária. Acho que todos nós estamos de parabéns porque criamos ali uma família. Damo-nos muitíssimo bem e poder manter essa família unida é interessante”, acrescentou.

Carlos M. Cunha revelou ainda como é que surgiu o convite e não tem dúvidas que veio na hora certa.  “Para mim caiu como mel na sopa. Tinha uma digressão montada com Commedia à la Carte que teve de ser anulada, tinha acabado de abrir um bar a 6 de fevereiro e fechei a 13 de março. Portanto, as minhas opções não eram muito positivas”, começou por recordar.

“E graças à pandemia o Eduardo [Madeira] falha um evento da TVI e convidou-me para o ir substituir. E tenho a impressão que foi aí que houve um click da Cristina [Ferreira], do João Patrício e do [André] Manso para que fosse eu fosse escolhido como a pessoa ideal para a personagem de padre Isidro”, revelou.

Leia também: Carlos Cunha, o padre de ‘Festa é Festa’, fecha bar após denúncia: “Há sempre alguém que nos quer prejudicar”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News