TVI

Carina nunca acreditou que fosse ganhar a «Casa dos Segredos – O Reencontro»

Carina foi a grande vencedora da Casa dos Segredos – O Reencontro. A jovem vai poder finalmente regressar a sua casa, em Matosinhos, onde tem a sua mãe à espera, e de quem tem muitas saudades. «Foi o mais complicado nisto tudo. Porque mesmo quando estive cá fora, aquela semana, depois de sair da Casa, só a abracei naquele dia. Depois estive aqui, em Lisboa, a semana inteira antes de entrar para O Reencontro. Voltei a abraçá-la depois de ganhar, mas estava cheia de saudades. Só a vi esta quarta-feira [dia 4]. Queria mesmo estar com ela a sério», revelou à revista TV Guia.

De ter aceite o convite da produtora para entrar neste desafio final, Carina explica o motivo. «Sempre disse, na minha Casa, juntamente com o Nuno – das poucas vezes que falámos civilizadamente, e não a discutir – que, se houvesse um Desafio Final, gostávamos de entrar. Sempre tive interesse nisso». «Se tivesse sido finalista claro que não ia aceitar o convite para entrar, mas como tinha morrido na praia – saí uma semana antes da final – e sabia que as pessoas tinham gostado muito de mim, achei que era a hipótese de mostrar uma nova Carina. Além disso, era a possibilidade de me defrontar com algumas das melhores figuras de outras Casas», conta.

Sobre vencer o Reencontro, Carina assume que nunca pensou que fosse possível. «Mas nunca esperei ganhar. Nem achava que ficaria mais que duas semanas», afirma, adiantando que pensava que «a Fanny ia vencer. Porque ela é muito popular e faria todo o sentido que ganhasse porque ainda não tinha ganho nada».

Muito foi falado da sua relação de amor/ódio com Bruno Savate, e que a sua vitória se deva a isso. «Sim, de fato este Reencontro baseou-se muito na minha história com Savate. Mas se ele chegou onde chegou foi também devido a mim. Não há histórias com uma só pessoa», atira.

Com uma aproximação dentro da Casa, Carina confessou na entrevista que algo mexeu com ela, mas não sentiu paixão. «Vi algo especial no Savate, mas que foi passando. Não era paixão, foi um carinho especial. Mas ele não soube alimentar isso», conta, achando impossível um entendimento entre os dois. «Não acredito. Ele é muito orgulhoso. Se me pedir desculpa, se se justificar, mas acho difícil.»

Em relação ao futuro, a jovem prefere não fazer planos. «Quando entrei nos programas, não tinha a fama como objetivo. Não faço ideia o que irá surgir pela frente. Gostava de trabalhar em televisão mas sei que vai ser muito difícil. Gostava de ficar ligada ao mundo dos reality shows, ser comentadora. Mas caso nada disso se concretize, aceito voltar ao negócio da minha família, de mediação de seguros. E os 5 mil euros são para poupar.»

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close