fbpx
TVI

Ângela Ferreira: “Houve uma altura que fiquei um pouco frustrada”

Ângela Ferreira Amor Sem Fim Alexandra Borges

Oito meses depois, Ângela Ferreira viu o parlamento português aprovar projetos-lei para que possa engravidar do falecido marido. A jovem deu uma entrevista onde contou como têm sido os últimos meses.

“Houve uma altura que fiquei um pouco frustrada, porque houve alguns erros por parte da Assembleia da República em relação à petição. Não via as coisas a evoluírem, mas acreditei sempre que quem gere o nosso país perceberia que esta era uma causa justa”, começou por dizer à Nova Gente.

Ângela Ferreira revelou que o Presidente da República respondeu-lhe a uma mensagem e informou-a que já tinha encaminhado para a ministra da saúde e para a Assembleia. À sua família à sogra agradece o companheirismo nesta fase mais delicada da sua vida.

Quando recebeu a boa notícia ficou muito feliz, mas a “ficha não lhe caiu”. Ângela Ferreira é da opinião que não deve festejar enquanto não fizer o tratamento. Revelou ainda que foi alvo de comentários negativos, onde a apelidaram de egoísta por querer que o filho substituísse o marido.

Ângela Ferreira finalizou com uma mensagem para todos os que seguem o seu caso: “Não deixem de lutar e de acreditar. Eu não sou de ferro e no choro, que também tenho, encontro a força necessária para lutar”.

Leia também: Big Brother: Pedro Crispim pede desculpa à família de Rui Pedro

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News