TVI

‘Amor sem Fim’: Ângela desabafa: “Sinto que estou em contra-relógio”

Ângela Ferreira esteve esta segunda-feira, dia 17 de fevereiro, no ‘A Tarde é Sua’. Depois de ter recebido uma boa notícia do Centro Hospitalar de São João, no Porto, a garaantir que o esperma do falecido marido não vai ser destruído, a jovem voltou a pedir respostas para o seu caso. 

“Eles colocam um limite, tem que ser até fazer um ano da morte. Portanto teria até 25 de março para o poder fazer. Sinto que estou em contra-relógio”, disse. Ângela acrescentou ainda que apesar da carta que recebeu do Primeiro-Ministro António Costa, continua à espera de uma resposta que resolva o caso.

“Todos eles receberam a mesma carta que o Hospital de São João recebeu. A única resposta que eu recebi foi do Primeiro-Ministro e não foi uma resposta, foi a dizer que encaminhou para o Ministério da Saúde. Eu não preciso que ele envie, preciso que alguém me diga alguma coisa”, acrescentou.

Veja a entrevista na íntegra aqui

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News