fbpx
Globo

Recorde a história de «Ti-ti-ti»

Tititi Propaganda Recorde A História De «Ti-Ti-Ti»

Tititi-Propaganda

Os telespetadores da Globo votaram e escolheram a novela Ti-ti-ti para ser exibida na faixa interativa do canal, já a partir de hoje. Ti-Ti-Ti conta, num registo humorístico e satírico, a história dos estilistas rivais Jacques Leclair (Alexandre Borges) e Victor Valentim (Murilo Benício). A próxima novela das 19h00 da Globo promete muitas gargalhadas aos portugueses e tem um elenco repleto de estrelas da estação.

Ariclenes Martins (Murilo Benício), mais conhecido por Ari, e André Spina (Alexandre Borges) cresceram juntos no bairro de Belenzinho, em São Paulo, e sempre disputaram tudo: brinquedos, amigos e namoradas. A Ari saiu-lhe a sorte grande: ganhou a lotaria, ficou rico e casou com a namorada Suzana (Malu Mader). Juntos, tiveram um filho, Luti (Humberto Carrão), e foram morar para o bairro dos Jardins, deixando André cheio de raiva. Porém, Ari perdeu tudo quando começou a apostar em negócios mirabolantes e as diferenças com Suzana levaram a que o casamento acabasse.

Suzana tornou-se a editora-chefe da revista Moda Brasil e começou a sustentar o ex-marido para não prejudicar os estudos do filho de ambos, que decidiu viver com Ari. Luti divide-se entre a Faculdade de Belas Artes e um trabalho como garçom para ajudar o pai, que continua à espera de ter uma ideia genial que o torne rico. Esta ideia chega quando Ari encontra uma mulher maltrapilha (Regina Braga) a viver na rua com uma boneca com roupas muito bonitas. Ari elogia as roupas da boneca e ela diz que as bonecas são as suas princesas e mostra toda a coleção original de vestidos e, em particular, um boneco: Victor Valentim, o mais belo e corajoso príncipe de Espanha. Ari oferece-se para fornecer tecidos para mais vestidos e, em troca, leva-a para uma casa de repouso onde ela continua a fazer vestidos para as bonecas. Com esses vestidos, Ari encontra a sua oportunidade: tornar-se um estilista famoso e entrar em grande estilo no território do seu maior inimigo, André Spina, que é agora conhecido como Jacques Leclair, um estilista de roupas de festa muito bem-sucedido.

Jacques Leclair é dono de um atelier especializado em vestidos de noiva e de festa, muito prestigiado pela elite da zona leste da cidade. Porém, o sucesso deve-se sobretudo ao seu grande poder de sedução e não tanto ao talento, e Jacques faz-se passar por gay para que os maridos das suas clientes não suspeitem de nada. Jacques começou a sua carreira ao lado de Marta (Dira Paes), sua vizinha no Belenzinho, que costurou as suas primeiras criações. No entanto, Jacques abandonou-a para casar com Ana Maria, filha do dono de um supermercado que tinha o dinheiro que ele precisava para montar o seu primeiro atelier, com quem teve quatro filhos: Pedro (Marco Pigossi), Valquíria (Juliana Paiva) e os gémeos Maria Beatriz (Clara Tiezzi) e Luis Filipe (Davi Lucas). Vive com os filhos e com a tia Júlia (Nicette Bruno), que o criou desde que foi abandonado pela mãe.

Jacques tem um sonho: tornar-se um estilista de luxo e ver as suas criações serem desfiladas nas grandes semanas da moda e fotografadas para as revistas de celebridades. A sua entrada para o mundo das celebridades é feita através de Jacqueline (Cláudia Raia) que, por precisar de um vestido de festa vai ao atelier do estilista, não resiste ao charme de Jacques e, como tantas outras clientes, torna-se sua amante. Jacqueline diferencia-se pela sua elegância e bom gosto e rapidamente percebe que o problema dos vestidos de Jacques é terem demasiados brilhos e folhos e começa a alterar as criações do estilista. Jacqueline é a chave para a elite que Jacques tanto deseja e o seu nome começa finalmente a aparecer.

Enquanto Jacques começa a ter um lugar no mundo da moda, Ari leva os croquis a Marta (Dira Paes) e Nicole (Elizângela) e pede-lhes ajuda no seu plano de se transformar num famoso costureiro espanhol. Para isso, convidam Desirée (Mayana Neiva), filha de Nicole, para ir à festa da revista Moda Brasil com um vestido deles, onde causa sensação pela sua elegância. Todos lhe perguntam quem fez o vestido, ao que a jovem responde Victor Valentim e todos começam a perguntar «Quem é Victor Valentim?», começando assim o maior ti-ti-ti da novela: o surgimento de um costureiro espanhol, que ninguém sabe quem é, que rivaliza com Jacques Leclair.

Ti-Ti-Ti conta também a história de Marcela (Ísis Valverde), uma jovem que vive em Belo Horizonte com a avó, depois de ter perdido os pais muito cedo. Trabalha como assistente num salão de beleza e namora com Renato (Guilherme Winter). Renato é herdeiro de Giancarlo Villa (Mauro Mendonça), um conhecido empresário mineiro que, cansado de atrair mulheres apenas interessadas no seu dinheiro, apresenta-se a Marcela como um trabalhador de classe média-baixa e os dois começam a namorar. Os dois estão apaixonados e, quando Renato lhe decide contar a verdade, Marcela dá-lhe uma notícia inesperada: ela está grávida. Renato acusa-a a de estar a dar o golpe do baú e os dois separam-se.

Marcela refugia-se no apoio do amigo Julinho (André Arteche), que também está a passar por um período difícil: o seu namorado Osmar (Gustavo Leão) acaba de receber a visita do pai, Gustavo Sampaio (Leopoldo Pacheco), com quem sempre teve uma relação conturbada. O pai pede-lhe que regresse a São Paulo para visitar a mãe, Bruna (Giulia Gam) que está a fazer um tratamento contra o cancro e sente a falta dele. Osmar decide visitar a mãe a São Paulo e Marcela vê aí uma oportunidade para construir uma nova vida com o filho e longe de Renato.

No dia da viagem, Julinho tem maus pressentimentos e pede para não irem de carro. Ele estava certo: Osmar e Marcela têm um acidente e Osmar morre. Marcela sobrevive e acorda no hospital. Ao seu lado, está o pai de Osmar que a conforta, dizendo que o bebé não corre risco de vida e dá-lhe a notícia da morte de Osmar, explicando também que Bruna, mãe de Osmar, pensa que ela é a namorada que Osmar ia trazer para lhe apresentar. Gustavo pede a Marcela que confirme essa história porque Bruna não suspeita que Osmar era homossexual e, estando frágil pelo tratamento contra o cancro, não resistiria à revelação. Só a esperança de vir a ter um neto lhe daria forças para lutar contra a doença. Marcela resiste mas acaba por aceitar e muda-se para a casa de Gustavo, onde não é bem recebida por Edgar (Caio Castro), que acha que a jovem está a ser oportunista. Esta antipatia mútua esconde, porém, uma forte química entre os dois.

Edgar está noivo de Camila (Maria Helena Chira), filha de Rebeca Bianchi (Christiane Torloni), e é fútil e consumista, desinteressada do que não faça parte do universo da moda. O noivado foi ideia de Luísa (Guilhermina Guinle), sócia de Edgar na agência de modelos Lugar Models e sua amante há anos. Quando Marcela chega de Minas Gerais e Luísa vê o efeito que a jovem causa em Edgar, faz tudo para os separar. Em torno da agência Lugar Models e da revista Moda Brasil, gravita o universo colorido, cruel e competitivo da moda, onde o talento, a ambição e a vaidade caminham juntos mas nem sempre de mãos dadas.

A estreia de Ti-ti-ti acontece esta tarde, a partir das 19h no canal Globo, exclusivo NOS.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News