SIC

«Vale Tudo»: saiba como é construído o Cenário Inclinado

Um dos jogos mais famosos do programa Vale Tudo da SIC coloca famosos residentes e convidados a seguir ou recriar uma história contada pelo apresentador, João Manzarra, num palco com uma inclinação de 22.5 graus. É uma «fábrica de gargalhadas e de nódoas negras» para os participantes do formato e para os elementos, escondidos pelas câmaras, encarregues da montagem do plano inclinado.

Três elementos da produção são responsáveis pela construção do cenário que dura aproximadamente um dia para ficar concluído, refere a TVMais. «Tudo é pensado de forma a que se alguém cair ou escorregar, não se aleijar», revelou uma fonte da produtora, acrescentando que o posicionamento dos diversos objetos do cenário, para além de evitarem danos maiores, é também importante devido aos ângulos de câmara. Durante a montagem do plano, os risos são uma constante – os famosos não são os únicos a sofrer com a inclinação, pois os elementos da produção também não escapam às quedas.

Apesar de tudo ser pensado ao pormenor, a mesma fonte revelou que já existiram situações que preocuparam a produtora, foi o que aconteceu no primeiro programa, «A mesa central da pizaria, que serviu de apoio, tinha apenas um pé», afirmou a mesma fonte.

Recorde-se que Vale Tudo é a aposta da SIC para as noites de domingo, encontrando-se na sua terceira edição. João Manzarra é o anfitrião e Rui Unas e César Mourão são os «capitães» de serviço.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close