fbpx
SIC

Soraia Chaves assume que sofreu uma depressão aos 27 anos: “Sofri muito”

Soraia Chaves Julia Sic

Soraia Chaves esteve hoje no programa de Júlia Pinheiro para falar de assuntos mais pessoais, e recordou a depressão que sofreu aos 27 anos, depois do lançamento do filme ‘Call Girl’.

A atriz foi uma das convidadas do programa ‘Júlia‘, da SIC, e falou sobre a depressão que sofreu aos 27 anos de idade. “Estas questões de saúde mental ainda são vistas como um estigma“, começou por afirmar.

A minha experiência pessoal diz-me que as pessoas demoram muito tempo a reconhecer um problema por causa da estigmatização dos outros“, acrescenta.

Falando do seu caso em específico: “Comecei a acreditar que era assim. Tinha momentos de depressão associado à melancolia. Sofri muito“.

Soraia Chaves afirma que a doença é algo que tem que ser tratado. “Foi um combate. O mais importante é reconhecer que se tem um problema, partilhar e procurar ajuda“, referiu.

A artista recordou ainda quando se estreou no mundo da moda aos 15 anos e aos 23 ganhou o papel no filme de Patrícia Vasconcelos: “Não tinha experiência e, de repente, estou no meio profissional… e já não houve retorno.

Era muito nova e muito ingénua. Não esperava que a exposição do corpo fosse tão complicada“, disse Soraia Chaves, referindo-se ao filme ‘O Crime do Padre Amaro’.

Veja o vídeo aqui.

Leia também: Vestido de Fátima Lopes esconde um pormenor muito especial: “Obras do acaso”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News