fbpx
Resumos SIC

Por Ti: resumo dos próximos episódios

Por Ti

 

Episódio 101

 

 

Destaques

Helena confronta Mónica e diz que sabe qual a jogada dela ao atrasar o divórcio.

 

Mia, radiante, está no computador a ver o mail, quando Mónica bate e entra. Conta à mãe que vão mesmo suspender a construção da barragem por causa da falha geológica. Quer comemorar, mas Mónica prefere pizza, sofá e um filme para culpar o enredo. Conta-lhe que o pai falou no divórcio e que Helena apareceu na loja. Mia acha que é legitimo que a mãe lute pelo homem que ama e com quem foi casada estes anos todos.

Miguel foi substituir um colega nos correios e bate à sua própria porta para entregar uma encomenda a Lara, mas ao passar a caixa recolhe-a ao ver que é de uma sex-shop. Lara disfarça e o nome que lhe ocorre é que foi Amélia que pediu. Orlando e Miguel ficam chocados. Já sozinha com Orlando, Lara diz que não podia dizer que encomendou brinquedos para apimentar a relação dela com Dieter.

Rui quer que Eugénio pare de pôr ideias malucas na cabeça de Afonso. Eugénio diz que pode não acreditar, mas têm de ser vigilantes, mas Rui diz-lhe para parar de agoirar o filho.

Mónica põe música e canta enquanto limpa a casa, continua a cantar enquanto vai buscar o balde e a esfregona e ao desligar a música vê Helena, pergunta o que está ali a fazer. Helena quer falar de Paulo, diz que já percebeu a sua jogada e confronta-a sobre estar a adiar o divórcio, quer ganhar tempo para dissuadir Paulo, ou quem sabe, reconquistá-lo. Mónica diz-lhe que não tem de dar-lhe explicações, acusa-a de estar insegura. Helena diz que não tem razões para ser insegura porque sabe que Paulo a ama.

Isabel sente urgência em falar com Mary, diz que Miguel quer ter sexo com ela. Mary diz que isso é bom, mas Isabel está preocupada porque ele não está bem, hesita em contar-lhe que ele está doente, não fala, mas diz que Miguel mudou muito, até aceitou o noivado de Lara. Mary tenta disfarçar o desagrado ao saber do noivado e acha que Isabel devia dar uma oportunidade a Miguel.

Paulo entrega a sua sugestão para o menu, Constança acha muito bem e só espera que ele se sinta bem ali. Paulo fala do encontro de Mónica e Helena e Nuno traz a sugestão de menu que Luísa lhe pediu.

Tosso tem o resultado do referendo para saber onde irá ficar a cruz, diz que a cruz fica no posto.

Afonso já tentou todas as hipóteses e não consegue entrar na pasta, diz que se há alguém que sabe o que se passa na cabeça de Renata é Nuno, não serão fotos eróticas que ele esconde na pasta. Mia conta-lhe que Luísa se despiu para Nuno, fica enciumada com a resposta de Afonso porque ele já viu Luísa nua. Mia diz que o melhor é ir diretamente ao computador de Renata, vai pedir ajuda a Luísa para chegar ao portátil dela.

Renata está irritada com Henrique porque não pode aparecer sem avisar. Ele quer saber o que faz com os homens da obra e Renata diz que estão a ser pagos para estarem de férias. Henrique sai e Rui aproxima-se a tempo de ouvir a voz dele e achar familiar. Diz a Renata que é oficialmente dono de todos os terrenos que ela indicou. Renata sente-se vitoriosa.

Dulce coloca a cruz na cela, Tosso vai buscá-la para tirar uma fotografia. Orlando aliviado que a cruz fique ali e não na capela. Bernardo relembra Neca que hoje tem o jantar de reinauguração do restaurante do turismo rural.

Xana reclama com Tó que não gostou nada que tivesse defendido Dulce e acusa-o de já não ficar do lado dela, acha que é influencia de Armanda. Continua a insistir que Armanda pode engravidar dele para o agarrar e que já manda nele. Xana fala em traição quando Mónica entra para o seu passeio.

Mónica anda de bicicleta a apreciar a paisagem, pensativa. Ela pára junto a uma zona bonita, e aproxima -se de uma árvore que reconhece como um lugar onde fez piquenique com Paulo. Lembra-se do momento em Mónica estende a toalha e a Paulo agarra e diz que tem a certeza de que vão ser muito felizes ali. Desperta quando Eugénio se aproxima com Zuzu. Falam da visão que ele teve com Afonso, Eugénio diz que preferia não as ter.

Na sala do Turismo Rural, Paulo e Helena discutem por causa de Mónica, ele pede-lhe que o deixe ser ele a lidar com Mónica, tal como não interferiu quando ela tratou do divórcio com Rui. Beijam-se no momento que Mia e Afonso entram. Mia vinha falar com Luísa, mas já não quer.

Renata manda Nuno avisar Henrique que todos os assuntos que tiver a tratar com ela são por telemóvel. Nuno preferia não ir a Lisboa, mas Renata diz que é obrigatório, precisa dele para atender telefonemas e responder a emails enquanto ela estiver nas reuniões demoradas.

Mia entra em casa enervada e bate com a porta por ter visto Paulo e Helena aos beijos. Passado uns instantes, Afonso bate à porta e pede que ela abra. Afonso está preocupado, diz que são amigos e acha que ela exagera com a questão dos pais. Mia irritada que para ele seja tudo leve, diz que não aceita a relação do pai nem nunca vai aceitar. Mia manda-o embora, antes que se magoem, diz que talvez possam ser amigos quando o deixar de amar.

Armanda cheia de náuseas ameaça vomitar várias vezes. Amélia começa a achar estranho e diz que da última vez que teve assim uns meses despois nasceu Helena. Armanda fica nervosa.

(conclusão)

Por Ti

 

Episódio 100

 

 

Destaques

Helena, Mia e Amélia preocupadas com premonição de morte de Afonso.

Paulo quer tratar do divórcio, mas Mónica atrasa o processo.

 

Armanda e Tó estão no salão aos beijos, quando Amélia entra e ralha com eles. Tó diz que vinha falar com ela e conta-lhe a visão da morte de Afonso que Eugénio teve. Amélia fica angustiada.

Miguel estranha que Dieter venha visitá-lo todos os dias. Pensa que vem pedir desculpas pelo assédio a Lara, mas Dieter mostra-lhe um anel e pede a mão de Lara em casamento, diz-lhe que namoram há algum tempo e está disposto a tudo para ficar com ela. Miguel evita a conversa e sai enervado para a cozinha. Dieter entra na cozinha, só quer saber se Miguel permite o casamento, Miguel a custo diz que sim. Dieter fica surpreso e satisfeito, já Miguel fica angustiado.

Mia conta a Afonso como conseguiu a pen, ele fica surpreendido por ter sido Luísa a ajudá-la. Mia diz que a amizade delas afinal é resistente. Mia diz-lhe que leve uma cópia da pen e se conseguir chegar ao conteúdo encriptado que lhe diga. Os dois ficam em silencio e Afonso acaba por ir embora.

A aula de meditação vai começar, Luísa está feliz por ter Helena ali, ela diz que pensou muito se vinha, não por ser médica, mas por causa dos olhares e julgamentos. Luísa diz-lhe que a opinião dos outros é apenas isso, uma opinião. Constança e Mónica entram a conversar e não repara em Helena, que fica surpresa e desconfortável. Quando Mónica vê Helena, Constança diz que pode voltar noutro dia. Mónica pensativa diz que ela não teria vindo se a relação deles estivesse bem.

Renata está eufórica para Nuno, enquanto serve duas flutes de champanhe. Quer festejar por Rui ter caído no seu plano. Nuno não pára de olhar para as horas, vê que vai perder a meditação. Renata percebe e manda-o ir, diz que precisa dele com a cabeça fresca, mas fica desagradada.

No bar, Lara conta à mãe sobre a relação com Dieter e o pedido casamento que ele fez a Miguel. Isabel acha precipitado e que a filha tem muito para viver ainda antes de casar. Quando vai para sair para falar com Miguel e impedir que ele aceite, Dieter chega e, satisfeito, conta que Miguel aceitou, Isabel fica atónita e Lara coloca o anel no dedo, os dois beijam-se apaixonados. Isabel diz-lhes que não contem com o apoio dela, é contra o casamento deles.

Rui entra no gabinete altivo e de postura sobranceira, seguido de Helena. Rui provoca-a, fala do negócio que fez e que andou para a frente enquanto ela se contenta com amor e uma cabana. Helena pede para que ele pare com as provocações, só está ali para falar de Afonso, porque está preocupada com a visão de Eugénio e pede-lhe que fique mais atento ao filho. Rui acha que Eugénio é lunático e não devem dar importância. Lembra-se da conversa que Afonso teve com ele no dia anterior.

Mia agradece a Luísa a ajuda, diz que deu a pen a Afonso para ele tentar entrar descobrir a informação codificada. Recebe mensagem de Amélia que quer falar com ela e sai. Renata aproxima-se e diz a Luísa que não a quer a rondar Nuno, inventa que ele se deslumbra rapidamente com qualquer mulher. Tem sido assim em todas as obras. Fica furiosa quando Luísa lhe diz que não procura um relacionamento sério.

Miguel desabafa com o padre Orlando, está desorientado com o noivado da filha, que aceitou para não contrariar isabel. Miguel acha que ela seria a favor e quer que ela acredite que é um homem diferente. Orlando dá graças a Deus por não ter de guardar mais este segredo.

Simão ouve Adelaide cantar. Zé vem dizer a Simão para largar as burlas dos santinhos e terços, se precisar de dinheiro, pode falar com ele. Isabel entra e fica muito tensa ao ver Zé, pergunta sobre o que veio falar com Simão. Na cozinha, Isabel fecha a porta que dá para sala e olha, tensa, para Zé, volta a dizer que Simão não é filho dele. Zé diz que veio dar conselhos, mas até já deu por si a pensar que têm coisas parecidas. Simão entra, também a coçar a têmpora. Só Isabel vê-os a fazer o mesmo gesto ao mesmo tempo.

Helena desabafa com Paulo que não se sentiu nada bem a meditar com Mónica ao lado, sentiu-se a outra. Paulo abraça-a e diz que para ele, ela é “a tal” e sai para trabalhar. Afonso bate à porta e Helena diz, preocupada, que Mia procurou-a e contou-lhe a visão de Eugénio. Afonso desvaloriza e diz que só falta a mãe acreditar em unicórnios. Helena diz que pode ser médica, mas também é mãe e quer que ele faça exames de rotina.

Tó confronta a mãe pelo que fez ao motor da mota de Dulce. Neca ouve e, a sós, diz a Tó para cobrar só 100€ a Dulce porque o resto ele paga. Tó pergunta porque encobre sempre a mãe. Neca diz que quando ele casar vai perceber, mas neste caso é para não ter chatices em casa e no trabalho.

Afonso tenta desbloquear a pasta que a pen contem, mas não consegue, vai sentar-se junto de Matias que joga cartas no tablet e se irrita porque só lhe faltava uma carta para ganhar, ao exclamar “maldito sete”, Afonso lembra-se da conversa de Eugénio. Rui entra com Renata e Afonso quer saber porque vai jantar com ela, ele diz que ela lhe deu umas boas dicas para investir nuns terrenos e é para agradecer. Afonso diz que vai fazer os exames de rotina que a mãe pediu e Rui acha tudo o que Eugénio disse uma parvoíce.

Amélia está assustada com a premonição de Eugénio sobre o neto, Mia diz que já sabia e até falou com Helena. Amélia diz que agora é que Mia tem de andar colada a ele, mas Mia recorda-a que ele acabou com ela. Mostra-se desesperada sem saber como ajudar mais. Amélia diz que têm de rezar muito e pode ser que esta morte signifique apenas o final da relação deles. Mia fica desagradada e Amélia, atrapalhada.

Isabel está furiosa com Miguel porque concordou com o casamento, acha que Lara é muito nova e vai dar cabo da vida. Miguel sente-se aliviado que ela pense assim. Diz que gosta de a ver irritada, insinua-se, quer ir para o quarto, mas Isabel desenvencilha-se dele e sai para o quarto, tensa. Na expressão desiludida de Miguel.

Paulo admira-se da reação de Miguel, Lara diz que agora o pior é Isabel, mas vai acabar por aceitar. Paulo será o padrinho de Dieter e fica a saber que tem de fazer um curso na igreja de 3 meses que ocupa todas as sextas-feiras das 19h às 22h. Mónica fala do dia em que decidiram casa mas Paulo corta a conversa e aproveita para dizer que quer o divórcio. Mónica atrasa o processo e diz que prefere esperar pela indeminização da barragem e como vai ficar a aldeia espelho.

(conclusão)

Tags
Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>