fbpx
Resumos SIC

Por Ti: resumo dos próximos episódios

Por Ti

 

Episódio 61

 

 

Destaques

Rui tenta que Afonso volte para casa.

Helena e Paulo continuam a envolver-se.

Renata beija Eugénio. Zé assiste, espantado.

 

Xana está com um ar desmazelado, coloca velas no bolo de aniversário e canta os parabéns a si mesma. Neca entra e Xana apressa-se a tirar as velas e finge que vai pôr o bolo no lixo. Neca é carinhoso com ela e diz que qualquer dia ninguém se lembra que é ele que faz o crochet, fá-la ver que tem de voltar a trabalhar com o táxi e vai tomar banho. Xana debloqueia o telemóvel dele ouve o áudio de Dulce a dizer que trocava os turnos dele para ele ter tempo para as rendas.

Dulce acaba de entrar no posto da guarda e Zé, muito expedito, mostra-lhe o retrato robô que modificou, diz que acabou de chegar. Dulce diz que vai enviá-lo aos colegas nas proximidades. Zé diz que vai ao hospital ver de Eugénio e também já pediu a perícia ao local onde ele caiu. Dulce fica impressionada com tanta proatividade.

A enfermeira pede a Renata que saia porque Eugénio tem visitas. Adelaide entra e aproxima-se de Eugénio, fala para ele, mas percebe que ele não reage e fica triste e frustrada. Diz que a Zuzu está à espera dele e a seguir vai lá a casa dar-lhe comida. Tosso, orgulhoso e emocionado, anui, como que autorizando, enquanto esfrega os olhos para disfarçar a emoção.

Rui tenta que Afonso volte para casa, diz que não gosta de estar mal com ele e pede desculpa, mas ao dizer que parece mal ele estar chateado com o filho, Afonso fica passado e diz que só pensa nas eleições. Rui cala-se ao sentir uma forte cólica intestinal. Culpa Mia e os seus tacos. Afonso não quer falar mais com o pai e sai do quarto.

Paulo acabou de contar que se envolveu com Helena ali. Diz que não consegue deixar de pensar nela e só pensa em aproveitar o tempo perdido com ela. Dieter descansa-o que se Mónica perguntar vai dizer esteve com ele. Mia encontra o brinco de Helena, Dieter diz que é de Lara.

Tó conduz o táxi e mete conversa com Mary, tenta saber a quem vai dar consulta. Mary acaba por se rir dele e percebe que tem um portefólio de conquistas, Mary diz que isso soa a insegurança, baixa autoestima e imaturidade. Tó fica irritado e vinga-se na tarifa do táxi. Mary paga, sai e deixa-o a falar sozinho.

Xana entra no posto a gritar com Dulce, fica furiosa ao ver que ela tem umas botas iguais às dela e acusa-a de copiá-la e querer o que é dela. Neca explica que Xana viu o telemóvel dele e percebeu que a Sargento sabia dos naperons muito antes do que se passou na festa. Dulce diz que descobriu porque investigou. Xana vai para se lançar em cima de Dulce, mas Neca agarra-a e Dulce diz que a prende. O telemóvel de Neca toca e Xana obriga-o a colocar em alta voz. Dulce fica incrédula com a submissão dele. É da retrosaria e Xana interrompe para dizer que ele entrega em dois dias. Neca boquiaberto porque o trabalho é ele quem o tem. Depois de desligar, Xana ainda lhe diz que ele tem de aprender a gerir o negócio e sai com ares de superiora. Dulce meneia a cabeça em tom reprovador.

Rui está irritado com Afonso. Helena a postura que ele teve ao procurar o filho por isso ele não aceitou voltar. Rui pede-lhe alguma coisa para tomar para as dores de estomago, Helena culpada, diz que vai buscar uns comprimidos. Rui diz que precisa que ela cuide dele.

Nuno queixa-se que faltou à videoconferência e tem papéis para assinar. Renata diz que a única preocupação agora é Eugénio e vai ficar ali até ele estar bem.

Mia desabafa com a mãe que soube que Afonso saiu de casa e está a viver com Luísa, diz que isso mexe com ela. Mónica diz-lhe para se focar na campanha, pois Rio Meandro precisa dela.

Renata olha apreensiva para Eugénio e, a medo, aproxima-se da cabeceira. Fica a observá-lo em silêncio por um momento e que mais uma vez ele protegeu-a. Os olhos de Renata enchem-se de lágrimas, ainda que lute contra isso. A medo, faz uma carícia na mão de Eugénio e depois no rosto. Devagar, aproxima-se dele, com intenção de lhe falar ao ouvido. Diz-lhe que precisa dele. Já muito próxima do rosto dele, Renata beija-lhe os lábios com candura. Neste instante, Zé surge à porta, vindo do exterior. Vê o beijo, perplexo. Renata afasta-se, devagar sem dar por ele. Ficamos no espanto de Zé.

Zé apressado e em choque com o que acabou de ver no quarto de Eugénio, segue no corredor e choca com Mia. Zé afasta-se. Mia observa-o, apreensiva. Depois faz menção de avançar na direção do quarto de Eugénio, mas desta vez cruza-se com Renata, que vem de lá e que nunca chega a ver Zé. As duas provocam-se, Mia diz que veio em trabalho e que o sistema de saúde de Rio Meandro precisa de uma restruturação. Mia desconfia de Renata estar ali por causa de Eugénio, acha que, ou, lhe pesa a consciência ou não lhe dá jeito que Eugénio a denuncie quando acordar. Renata chama Mia de desequilibrada e avisa-a que não volta a acusá-la.

Helena pede ao filho que volte, mas Afonso não quer estar sempre a discutir com o pai e sabe que foi ela que insistiu com ele para ter vindo falar. Helena insiste que precisa do filho ao lado dela e Afonso pergunta se está tudo bem com ela, pois já viveu em Lisboa e Rio Meandro é uma aldeia pequena, vão encontrar-se muitas vezes. Convida a mãe para lanchar, mas Helena mente, diz que não pode lanchar porque tem uma reunião em Vila dos Passos.

Bernardo entra no quarto de Rita que fica estupefacta ao ver o pai de t-shirt, calções brancos curtinhos e ténis, estilo anos 80. Bernardo confronta-a com a fotografia dela abraçada a Simão, que saiu na entrevista. Rita esclarece que namoram e Bernardo diz que quem decide se ela assume um namoro publicamente é ele. Acha que duplas musicais de namorados desiludem os fãs. Diz que, ou acabam ou namoram em segredo. Rita não consegue levá-lo a sério vestido com aqueles calções que parecem slips e Bernardo suspira, frustrado.

Orlando vem de treinar e Isabel vem com roupa suja para lavar, diz-lhe para lhe dar a t-shirt transpirada. Fica a olhar para o tronco de Orlando e ele, incomodado, volta a vestir a t-shirt. Isabel fala com ele sobre o jantar com Miguel, ela gostava que Miguel tivesse fantasias com ela, por isso vive as fantasias da novela. Simão vem mostrar a entrevista que saiu sobre a sua banda.

Neca faz naperons na cela, ainda habituado a fazer os naperons escondido. Dulce manda-o fazer uma pausa e mostra-lhe o retrato robô que Zé lhe deu, mas Neca não o reconhece parecido com ninguém. Zé entra e vai buscar os a prova dos boxers, encontrados no quarto de Renata, diz-lhes que têm caso.

Mia vem do quarto de Eugénio e, ao cruzar o corredor, vê Afonso ao fundo, a chegar. Atrapalhada, o seu primeiro instinto é esconder-se atrás de uma maca que está no corredor, fingindo procurar alguma coisa no chão. Já Afonso, olha em volta procurando uma enfermeira. Segue na direção de Mia que continua escondida. Quando Afonso passa por ela, Mia desequilibra-se ligeiramente e faz mexer na maca que bate em Afonso. Ele surpreende-se e acaba por vê-la escondida de gatas. Ficam ambos constrangidos. Afonso explica-se porque está a viver no turismo, diz que discutiu com o pai pela causa de Mia, esclarece que não vive com Luísa e dá-lhe os parabéns pelo trabalho que está a fazer.

Rui fala com Tosso sobre a ideia de organizar um arraial, discutem pratos até que Tosso, sugere fazerem um cozido à portuguesa. Rui adora, depois disso ninguém se vai lembrar do almoço Mia. Adelaide triste ao ver a foto de Simão e Rita.

 

(conclusão)

Tags
Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>