fbpx
Famosos SIC

Paulo Matos sobre o divórcio: “Chorei tanto, até nos ombros dos meus filhos”

56932068 271664466881988 3889854889240275738 N E1554465797760 Paulo Matos Sobre O Divórcio: &Quot;Chorei Tanto, Até Nos Ombros Dos Meus Filhos&Quot;
Reprodução Instagram

O ator esteve esta sexta-feira à conversa Cristina Ferreira para falar sobre o processo de divórcio que enfrentou após 23 anos de relação. Paulo Matos desabafou sobre o sentimento de “falhanço” que sentiu e hoje, apesar de estar numa nova relação, afirma que “não existirá mais um ‘projeto’ parecido”.

“Foram 23 anos, excepto na reta final, de muita felicidade de muito entusiasmo de muita vida partilhada, crescimento e muitas aventuras. Era um núcleo muito forte, começou por lembrar. O ator relembrou que os amigos ficaram muito surpreendidos após o anúncio do divórcio uma vez que eram “um casal muito apaixonado, com muitas demonstrações de afeto”.

Emocionado, relembrou o motivo da causa da separação, afirmando que a sua ex-mulher “tomou opções diferentes”. “Às vezes o problema mais complicado é quando as opções são involuntárias. O coração dela ficou partilhado, tragicamente partilhado”, recordou. Apesar da ex-mulher “gostar de duas pessoas ao mesmo tempo”, como refere o ator, ela sempre reafirmou até ao fim a “vontade de ficar comigo”. Porém, o artista garante ter acreditado no regresso mas chegou ao ponto que teve que tomar uma decisão.

“A decisão acabou por ser minha, até para proteger os meus filhos que sofriam com o nosso sofrimento. Sou eu que não aguento mais… isto tem que acabar.”, relembra. “Eu acho que tinha um plano, mas depois ai aparece um vazio muito grande, a sensação que não há plano que substituía aquele plano. E ainda não há!”, garante. Na altura do divórcio os filhos mais velhos foram morar com o pai e a filha mais nova ficou com a guarda partilhada. O ator fez terapia e acabou por reencontrar “tudo, até energias que pensava que já não tinha”. Porém, realça: “O que acontece é que aquilo que não existe e não existirá mais é estar num novo projeto parecido. E isso é uma mágoa”.

A viver uma relação ao lado de Isabel, o ator garante viveu ma relação “maravilhosa”. Contudo afirma que “os nossos filhos serão outros universos exteriores. E é isso que entristece”.

Questionado por Cristina Ferreira sobre se ainda existe ou não amor pela ‘ex’, o ator respondeu “Há um amor imenso. Não no presente, não pelo presente. Já quase não a reconheço, não sei, não me lembro. Passaram mais de cinco anos… Mas há um amor imenso por aquilo que ela foi para mim. Nunca deixará de existir. Os homens são igualmente frágeis, românticos, chorosos… Chorei tanto, até nos ombros dos meus filhos“, recordou.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>