fbpx
SIC

«Paixão» vai ter um dos finais mais violentes de sempre. Sabe tudo aqui.

Paixao E1500475443797 «Paixão» Vai Ter Um Dos Finais Mais Violentes De Sempre. Sabe Tudo Aqui.

A novela Paixão da SIC está a caminhar para o final e promete ser um dos finais mais violentos de sempre de uma novela, conta a revista TV Guia.

Atenção o spoiler vai começar aqui.

Zé é morto por Helena, a vilã é alvejada a tiro por Tomás… mas antes quase que consegue destruir o dia do casamento de Miguel e Luísa.

Helena (Joana Solnado) não quer ser presa, depois de ter matado Ana Rita (Joana Ribeiro), e sabendo que Miguel (Albano Jerónimo) tem provas contra si, Helena vai rapta-lo. Mantendo-o fechado num contento, amarrado e ameaçando-o que se ele fugir, acaba com a vida de Catarina (Matilde Serrão) e Luísa (Margarida Vila-Nova), que está grávida do segundo filho.

De forma a despistar Maria Paula (Rita Blanco) e os restantes elementos, diz que Miguel está a fugir da polícia.

«Eu preciso de sair urgentemente com o contentor num camião», pede a vilã a Emídio (Jorge Estreia), com ele a dizer-lhe que só poderá fazê-lo via cargueiro». Ela aceita. «Esse é o meio de transporte perfeito para mim. Emídio, se me ajudares, recebes mais um milhão».

A vilã vai de seguida ao hotel, para vender a sua parte das acções do grupo. Com todos presentes, Luísa percebe que ela quer dinheiro para desaparecer com Miguel. «Porque é que tens tanta pressa?», pergunta-lhe. «Eu sei que és tu que o tens e queres este dinheiro para desapareceres com ele, mas eu não vou deixar», conclui.

Helena com tudo estudado, mostra um vídeo que tem no telemóvel, onde se vê Miguel: «Luísa, neste momento, o melhor para todos é estar com a Helena. Manda um beijo à Catarina e diz que a adoro. Talvez possa voltar a vê-la um dia. Amo-te muito, mas tens de me esquecer».

Mas Luísa percebe que algo está mal e afirma «Tu raptaste-o! Ele não quer ficar contigo! Tu sabes bem a quantidade de vezes que ele te pediu para nos deixares em paz.». Helena ri-se e sai do hotel com o dinheiro que exigiu.

Notando que está a ser perseguida, Helena monta uma armadilha a Luísa, ligando-lhe com uma proposta «Vou só dar-te uma oportunidade de te despedires dele.», ela aceita e as duas encontram-se no porto de Portimão. Ao chegar Luísa é revistada por um homem que encontra uma arma, fazendo com que a vilã ordene que a metam num contentor com destino à China. «O Miguel não te vem salvar. Ele não está aqui. E tu agora vais fazer um grande passeio. Nada como um cruzeiro para relaxares um bocadinho. E um cruzeiro na Ásia. Sou ou não generosa? Vais para a China. Há um chinês com muito dinheiro, interessado em ti, tem uma queda por loiras», diz a rir. «Vais finalmente ter tudo o que mereces: ser drogada e prostituta nos becos e ruelas de Pequim. Adeus, mana», despede-se, atirando-a para um contentor.

Luísa apercebe-se que a numeração do contentor é semelhante à que viu no vídeo de Miguel e começa a gritar por ele. Miguel consegue soltar-se e foge do contentor. Helena repara na porta aberta e começa a gritar de raiva. Os capangas da vilã conseguem apanhar Miguel que diz para ela «Nunca vou desistir da Luísa e da Catarina, nunca vou viver contigo! Prefiro morrer a acabar os meus dias ao teu lado». Helena ao ouvir as palavras dele avança para o seu último plano. Abre uma caixa de primeiros socorros «Vou conceder-te o teu último desejo. Aquela parte de que só ficavas comigo morto? Eu pensei e aceito a tua proposta. Sabes que achei que com o Zé (Marco Delgado) preso ia encontrar alguma paz… mas, só quando acabei com ele, é que fiquei serena, e agora, se não ser feliz contigo, prefiro morrer contigo. O propofol atua rápido e não vais sentir dor. Amo-te Miguel!»

O engenheiro tenta resistir, mas ela enfia-lhe a agulha… mas aparece Luísa e o irmão Tomás que tem uma pistola e aponta ao capanga e a Helena, enquanto Luísa como está Miguel.

Tomás age por insto e mata o homem e leva Helena para o contentor, onde a tranca. «Sabes aquele destino que querias para a minha irmã? Vai ser teu…». Miguel é levado para as urgências, onde os médicos dizem que não deve escapar da morte, pedido a Luísa para se despedir do seu amor. Que em choque, entra em trabalho de parto e dá à luz Marta. Em sintonia, Miguel recupera da injecção de Propofol.

10 meses depois é o dia do casamento de Miguel e Luísa. Sem que ninguém dê conta, Helena surge do nada e prepara o tiro perfeito para Luísa, que sai falhado devido à conservadora, que se mete na frente. Maria Paula, com a bebé Marta ao colo dá de caras com a vilã, quando surge Tomás, que a agarra e leva Helena para uma duna, e sem piedade, quando estoura uma garrafa de champanhe, dá-lhe um tiro na cabeça. «Agora sim. Já não há nada que possa meter-se no vosso caminho. Tenho a certeza de que vão ser muito felizes, os quatro».

Miguel e Luísa bejjam-se.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News