fbpx
SIC

‘Nazaré’ já tem data para terminar. Saiba quando

Nazare Carolina Loureiro

A novela ‘Nazaré’ já tem data para se despedir dos espectadores. A SIC anunciou que a novela termina no próximo dia 8 de janeiro, sexta-feira.

Estreada a 9 de setembro de 2019, ‘Nazaré‘ tem sido habitualmente o programa mais visto do dia. A trama vai terminar na semana em que estreia a sua nova aposta na ficção ‘Amor Amor’.

Para este dia 8 de janeiro, a SIC preparou uma emissão especial dedicada à ‘Nazaré’.

Fique a saber tudo sobre o final de ‘Nazaré’:

Destaques:

Duarte e Natália salvam Nazaré e Alice.

Natália salva Duarte e deixa Rui em coma.

Glória está grávida de Ismael.

Toni. Depois de muitas peripécias, casa com Vânia.

 

Cris e Nuno recebem Gil e Ana com champanhe. Ana está muito feliz por ter feito uma das ondas grandes da Nazaré. Aparece o surfista que Gil magoou que lhe diz que está bem e que já fez as pazes com o que lhe aconteceu. Gil pede desculpas por tudo, mas o surfista tranquiliza-o.

Dolores e Joaquim apanham Toni algemado no restaurante. Ele diz que foi ele próprio que pediu para não fugir do casamento.

No mercado, Rui aguarda o seu contacto quando quem se aproxima é Natália, tenta apelar ao sentimento para que ele diga onde está Nazaré e Alice. Rui começa a desconfiar que ela está a ganhar tempo e alguém vai aparecer para o prender. Duarte aparece, bate-lhe à medida que pergunta onde elas estão. Rui diz que nunca vai dizer. Prefere perder Nazaré a que ela fique com Duarte.

Nazaré acorda e percebe que as duas estão numa arca frigorífica de um camião, acorda Alice que logo sente o ambiente gelado. Começam ambas a gritar em desespero por ajuda.

Rui arrasta-se pelo chão tentando evitar Duarte. Natália não deixa que Duarte bata mais no irmão. Implora a Rui que diga onde estão Nazaré e Alice. Rui cede, diz a Duarte que o leva a elas.

Nazaré esmurra a porta. Alice cheia de frio já fala com dificuldade. Nazaré dá-lhe o seu casaco.

Toni à espera de Ismael. Ele conta-lhe que viram Duarte e esmurrar um encapuzado no mercado. Toni acha que era Rui. Pede que Ismael tire as algemas para se vestir, mas ele não encontra as chaves das algemas. Com a atrapalhação de se vestir algemado, o telemóvel e a camisa caiem num balde com água. Toni fica furioso.

Glória está muito mal disposta. Vânia insegura com o casamento, acha que se ele teve de se prender para casar, é porque não a ama. Glória diz que o filho a ama de verdade. Glória enjoada quer passar na farmácia.

Bernardo acaba de fazer o seu site de detetive privado, quer que Olívia trabalhe com ele. Ermelinda fica a saber do projeto dele.

Toni entra em casa receoso que alguém esteja em casa, não está ninguém. Regressa de banho tomado, e tenta vestir-se com a algema numa mão mas acaba por rasgar as calças do fato. Tenta costurar as calças, mas a caixa de costura cai e espalha-se tudo no chão. Toni fica irritado.

Duarte entra no gabinete da Geliré com Rui a achar que elas estão ali. Rui ri-se, diz que elas estão num sítio muito frio e se ele não o deixar ter com elas, sozinho, Duarte nunca mais as verá. Consegue agredir Duarte e fugi. Duarte fica trancado no gabinete, desesperado, à procura de chaves para sair.

Nazaré fica em top para proteger Alice do frio, as duas circulam pela camara frigorifica para tentar combater o frio. Nazaré encontra um gancho de pendurar peixe e começa a bater com ele na fechadura para tentar sair.

Toni acaba de coser as calças, estão mal cosidas mas ele não quer saber, veste-se com cuidado e sai. Corre desalmadamente e acaba por ser atropelado por uma bicicleta. Desmaia na estrada.

Ismael e Dolores preparam a decoração do mercado para o casamento, ficam nervosos ao verem Vânia chegar. Ismael conta-lhes que perdeu as chaves das algemas e que Toni teve de ir a casa tomar duche, mas não sabe dele. Vânia percebe e fica chateada. Vai fazer companhia ao padre até Toni aparecer.

Júlia visita Nuno e diz que morreu de saudades dele, ele também teve saudades dela. Júlia diz que o ama e quer recomeçar a relação com ele.

Ana preparou o quarto, diz a Gil o quanto está feliz e o que ele significa para ela. Ana quer que aquele seja o quarto deles, está pronta para fazer amor com ele.

Vânia, com os nervos, come compulsivamente enquanto Toni não aparece, Glória diz que os convidados estão a ir embora. Vânia acha que Toni está com Nazaré.

Nazaré começa a ficar sem forças de tanta exposição, Alice pede-lhe que não desista. Nazaré dá um último fôlego e consegue partir a fechadura da arca, mas cai inanimada. Alice não consegue puxá-la, sai da arca a pedir socorro.

Alice vai para o lugar do condutor do camião e vê o carro de Duarte aproximar-se, esperançosa vai de encontro a ele mas é Rui que se aproxima e pergunta por Nazaré. Alice diz que ela pode estar morta por culpa dele.

Vemos Duarte sair da bagageira do carro. Duarte corre e atira-se às costas de Rui, derrubando-o no chão. Mostra-lhe o telemóvel em sinal que a polícia vem a caminho. Nazaré sai do camião, Alice grita por ela e os dois olham. Rui, que está mais próximo, recua rapidamente e apanha Nazaré, encostando-lhe uma faca de ponta e mola, à garganta.

O carro da polícia chega, com Natália que pede a Rui que largue Nazaré. Rui leva Nazaré para o carro de Duarte e empurra-a lá para dentro. Rui mostra que vai arrancar com o carro, Duarte corre para se colocar à frente, desafiador. Nazaré aproveita este momento para se virar contra Rui, mas ele dá-lhe uma cotovelada no rosto, deixando-a atordoada. Duarte vê e fica furioso.

Duarte corre na direção do carro, enquanto Rui acelera contra ele. Nazaré grita de medo, até que se ouve um tiro que ensurdece tudo e o carro desvia-se repentinamente de Duarte, indo bater num obstáculo, detendo-se com violência. Nazaré ergue o rosto ensanguentado e Rui, está de olhos abertos, sangue na têmpora, cabeça caída sobre o volante. Aparentemente morto. É Natália que empunha a arma, em choque. Sem vermos, roubou-a a uma polícia e disparou para salvar a vida de Duarte.

Vânia está de partida para Lisboa, chorosa e abandonada por Toni. Este entra de rompante com roupa do hospital, as nádegas de fora e a cabaceira da cama do hospital presa pela algema. Decidem casar ali em casa. Trocam as alianças perante o Padre, com Glória, Ismael e Dolores a assistir. Tudo muito à pressa. Duarte e Nazaré não deixaram de assistir e aparecem ao lado dos noivos. Glória conta a Ismael que está grávida. Todos aplaudem e começamos a ouvir a versão final do “Sem querer”. Nazaré e Duarte respiram de alivio, mais unidos que nunca.

Uma semana depois, Bernardo tem uma missão para as Forças Seniores Nazarenas – João, Ermelinda e Floriano – quer que apanhem El Paco Rastero, tem 91 anos e foi por isso que os escolheu. El paco assiste a tudo, é o novo utente que entrou no lar há pouco tempo.

Alice está feliz por ter o avô a morar com ela. Matilde e João estão de partida, vão casar em Roma. Falam de Natália, não merecia o que está a passar, nunca vai esquecer que foi a responsável por o filho estar em coma. Duarte diz que também não vai esquecer que ela lhe salvou a vida.

Duarte sobressalta-se com o toque do telemóvel misterioso, atende e fica atento ao que dizem, desliga e sai.

Bernardo entra no gabinete da Gelire muito nervoso, não sabe de Duarte. Nazaré diz que talvez tenha saído para ir à quinta, ele diz que sim, mas encontraram o carro num descampado, com as portas abertas e a chave lá dentro mas não sabem dele.

Tags
Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News