SIC

Mulher de António Cordeiro fala sobre a doença: “Eu não tenho vida”

A mulher do ator António Cordeiro, esteve esta sexta-feira, 8 de novembro, à conversa com Júlia Pinheiro, para falar sobre a doença do marido e o quão difícil é viver com a situação.

Helena Almeida, revelou o drama que tem vivido desde foi diagnosticada ‘Paralisia Supranuclear Progressiva’ ao marido. Esta, é uma doença degenerativa, rara e que não tem cura, muitas vezes confundida com Parkison. Confrontada com os desafios desta doença, Helena viu-se obrigada a abraçar o papel de cuidadora, 24 horas por dia.

“As coisas não estão melhores mas também não estão piores. Em geral, a doença começa a evoluir cada vez mais rápido a partir do segundo ano e o António já vai para três. A terapia tem ajudado muito”, contou Helena, acrescentando que o maior problema do ator é a rotação do corpo: “O António sabe como se levantar e como se deitar para não cair. O grande problema do António é ter de se virar.”

Durante a conversa, Helena contou que para além de todas as dificuldades, o marido atravessa uma outra fase: “Não quer falar. Ele já me confidenciou que não fala porque não quer. Porque acredita que a sua voz está diferente.”

Helena, começa a sentir-se desamparada, confessando: “Eu não tenho vida. A minha vida gira em torno do António. Não há ninguém para ajudar. Sinto-me desamparada.” Porém e em alturas frágeis, Helena, diz recordar sempre as palavras do marido no dia em que lhe foi diagnosticada a doença: “Está na hora de nos divorciarmos”, mas a esposa afirma: “Eu não tenho jeito para abandonar o barco. Não vou abandonar nunca, a não ser que eu caia. Honestamente a gente esquece-se de nós. Às vezes a única vontade que tenho é ir embora por estar no limite. E depois penso: ‘vou embora e depois o que acontece?!’”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

ATV News