SIC

Luciana Abreu compara a mãe e a irmã a um “cão” que morde

Instagram

Polémica em relação aos pais das quatro filhas e não só… A relação (ou falta dela) com a mãe e com a irmã também marcam a vida de Luciana Abreu. A atriz da SIC não sente qualquer tipo de pena pelo facto de estas não estarem presentes no seu dia a dia e até as comparou a um “cão” que morde e que merece ser abandonado.

Luciana Abreu explicou numa entrevista recente que concedeu à revista TV Guia que já perdoou a mãe e a irmã pelos conflitos que enfrentaram no passado, mas que “os erros não se cometem duas vezes”. Questionada se não tem pena de não manter qualquer relação com estas, a atriz e cantora foi muito dura na comparação que decidiu fazer.

“Não, não tenho. Repare, se tivesse um cão que o mordesse sempre que lhe fosse fazer uma festa, ia ter pena de deixar esse cão? É um exemplo duro, eu sei, mas foi o primeiro que me ocorreu”, começou por referir. “Quando as coisas não são boas para nós, temos de ter discernimento e sensatez para perceber o seguinte: se estas pessoas continuarem ao meu lado, vão-me prejudicar”, concluiu.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News