fbpx
SIC

Júlia Pinheiro: “A depressão não é um estado de espírito. É uma doença séria, grave”

Júlia Pinheiro
Instagram

Júlia Pinheiro comentou o caso Amélie, adolescente de 16 anos que sofria de depressão e que foi encontrada morta, no Porto, na passada terça-feira.

Quando uma mãe/família sofre, sofrem todas as mães/famílias também“, foi desta forma que Júlia Pinheiro iniciou um texto que publicou nas redes sociais, esta quarta-feira, na sequência da morte de Amélie Bastos.

“Desconheço os contornos e os detalhes da história de Amélie. Mas as ‘Amélies’ que têm passado pelo sofá Júlia – cada uma com a sua mensagem de dor porque não há vidas iguais – empurram-me de novo para um grito de alerta. A depressão não é um estado de espírito. É uma doença séria, grave. A OMS considera que a depressão é a doença mais incapacitante do mundo”, continuou.

“É esta a doença que, segundo um estudo publicado há dias pelo Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP), tem vindo a aumentar com o agravamento da pandemia. É sobre esta doença, na verdade, mais incapacitante do que muitas doenças físicas, que ainda temos muito que falar, desmistificar, tratar, perceber. Evitar“, referiu a apresentadora.

Quando uma mãe/família sofre, sofrem todas as mães/famílias também. Força para esta família cuja dor é inimaginável“, completou.

Leia também: Catarina Furtado e a morte de Amélie: “Todos, de alguma forma, temos responsabilidade”

Quando uma mãe/família sofre, sofrem todas as mães/famílias também.Desconheço os contornos e os detalhes da história de…

Posted by Júlia on Wednesday, January 19, 2022

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>