fbpx
SIC TVI

Judite Sousa critica Clara de Sousa e deixa recado: “Há jornalistas que só querem aparecer na televisão”

Judite Sousa Clara De Sousa

Depois de Clara de Sousa ter criticado pivôs que foram fazer a cobertura da guerra entre a Rússia e a Ucrânia, Judite Sousa reage às palavras da jornalista da SIC.

Depois de Clara de Sousa ter criticado os jornalistas que foram fazer a cobertura para a guerra na Ucrânia, Judite Sousa responde às críticas da jornalista da SIC.

Em entrevista a Manuel Luís Goucha, nesta quinta-feira, 5 de maio, Judite Sousa afirmou: “Há jornalistas que só querem aparecer na televisão“. A jornalista da CNN Portugal garantiu que nos seus 40 anos de carreira, o grosso do seu trabalho foi em reportagem e aproveitou para deixar um conselho. “Sou uma testemunha profissional dos acontecimentos. Tenho de fazer o meu melhor trabalho para comunicar a informação aos espetadores“, disse Judite Sousa.

As guerras têm 3 dimensões: dimensão bélica, geopolítica e humanitária. Acontece que eu acho que temos de ser muito prudentes quando não temos experiência profissional em cenários de guerra e produzimos afirmações públicas sobre aquilo que nunca fizemos e sobre aquilo que não sabemos”, acrescentou a jornalista. “Isso é uma crítica?”, perguntou Manuel Luís Goucha. “Não é uma crítica, é um conselho que deixo“, respondeu Judite Sousa.

Não devemos pronunciar em público sobre coisas que não vivemos ou não sabemos. Só procuro falar em público daquilo que vivi ou sei“, atirou.

Recorde-se que em entrevista a uma revista, Clara de Sousa criticou quem ia para a Ucrânia e ficava longe da “ação”. “Não sou repórter de guerra. E também acho que as pessoas não podem ir de ânimo leve para este tipo de palcos. As pessoas devem estar onde são mais necessárias”, disse à ‘Nova Gente’.

“Se sou mais necessária no estúdio para ‘distribuir jogo’, obviamente que são os meus colegas que têm mais treino em cenários de guerra que devem ir para lá. Porque isto de estar num palco de guerra não é uma coisa simples. As pessoas têm de perceber que, além de arriscado, há regras a cumprir, há treino que é necessário ter, experiência necessária, e devem ir os melhores. Como noutros tempos iam o Paulo Camacho e a Cândida Pinto, que já têm muita experiência“, acrescentou.

Leia também: Judite Sousa recorda a morte do filho e afirma: “Estava com uma depressão grave…”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

5 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Minhas caras Sras, as duas integram a classe de jornalistas e os jornalistas mais conceituadas e mais respeitadas pelo vosso trabalho. Por favor não percam isso de vista e não se deixem alimentar por querelas!

  • 2 excelentes profissionais que não precisam alimentar querelas e mechericos na praça pública, pois correm o risco de entrar no *JornaLixo* tão comum e vulgar as televisões, jornais e revistas sem dignidade e Formação.

  • Só para mostrar mania, há muito gente precisam trabalho e este senhora é uma criança só pelas chamou para voltar a TVI. E Vergonhoso Judite e não devias estar com canal CNN Portugal.

ATV News

<>