fbpx
SIC

João de “Casados” partilha o seu difícil passado pela primeira vez: “O meu pai ia-me matando”

Joao Pires Casados A Primeira Vista

João Pires de “Casados à Primeira Vez” revela pela primeira vez o seu passado e comove a esposa, Dulce.

Depois de várias semanas às “turras”, Dulce e João parecem estar a entender-se cada vez melhor. O concorrente de “Casados à Primeira Vista” abriu o coração pela primeira vez, num desafio lançado pelo especialista Eduardo Torgal, com o objetivo de aprofundar a relação dos dois.

João Pires falou pela primeira vez sobre o passado e fez revelações chocantes. O concorrente de “Casados à Primeira Vista” revelou que o pai lhe batia desde os seis anos de idade. “Era um miúdo muito alegre, fui criado num seio com muitos irmãos. Éramos dez”, começou por contar.

Tinha os mais velhos que me protegiam e tinha as mais novas. Eu protegia-as a elas e elas gostavam muito de mim. O meu papel era protegê-las. O meu pai mandava-nos ir apanhar a azeitona, algumas não queriam apanhar porque estava frio e eu obrigava-as, se não depois o meu pai caía em cima de mim”, acrescentou.

O concorrente de “Casados à Primeira Vista” recordou os episódios de violência. “Eu apanhava. O meu pai batia-me por tudo e por nada (…) Na altura eu não entendia, odiava o meu pai, mas depois percebi que ele tinha razão. Tinha muitos filhos e para cuidar deles todos não é fácil”.

O marido de Dulce lembrou um episódio que lhe ficou marcado pela violência em questão e que quase lhe tirou a vida. João Pires estava junto de uns amigos quando resolveram roubar melancias e, apesar de não ter participado, acabou por levar porrada do progenitor.

Eu fiquei cá fora, não pus nem um pé lá dentro do terreno do senhor, e foram dizer ao meu pai que eu também roubei as melancias. O meu pai ia-me matando. Chega a casa, sem saber a razão, começou a pôr-me lá na coisa de prender os bois e bateu-me, bateu-me até não poder mais”, recordou, visivelmente emocionado. “Ele queria que os filhos fossem à semelhança dele”, notou.

A mãe também sofria de violência doméstica, por tentar defender os filhos. “A minha mãe era quem nos defendia, mas ela metia-se no meio e depois também apanhava (…) Preferia apanhar eu do que apanhasse a minha mãe”, contou.

Após estas revelações, Dulce, mostrou-se solidário com o marido. “Acho que este passado do João faz com que se feche e não queira falar dele”, afirmou a concorrente de “Casados à Primeira Vista”.

“Uma criança de seis sete anos estar a levar cacetada não é fácil. Mais tarde, quando cresci, percebi que ele não tinha bem a consciência do que estava a fazer”, confesso João a sós.

Leia também: ‘Casados’. Diana Chaves deixa Bruno atrapalhado: “Mas está apaixonado?”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>