SIC

Inês Herédia garante que ter duas mães é muito melhor

Júlia Pinheiro juntou esta sexta-feira as mamãs Inês Herédia e Cláudia Borges para uma conversa sobre a maternidade. As recém mamãs – Cláudia foi mãe pela segunda vez há quatro meses e Inês Herédia é mãe dos gémeos Luís e Tomás com dois meses de idade.

Rendida ao amor que tem pelos gémeos, tal como tem por Gabriela Sobral, Inês conta que “Eles são muito queridos, estou tão apaixonada. São lindos, não consigo acreditar nisto ainda. É uma estupidez. Não há nada que te prepare para isto. Pareço uma tontinha, estou-me sempre a surpreender com eles. É incrível mesmo”.

Com dois bebés a chorar em simultâneo, Inês refere que o instinto maternal nasceu nela de forma automática, no entanto, recorda que teve uma série de problemas devido à amamentação. “Fiz quatro mastites, duas rondas de antibióticos, mais uma e ia ter de ser operada e 40º graus de febre durante um mês. Eu a achar que aquilo era tudo normal porque não se fala muito disto. Nunca tinha ouvido falar da palavra mastite”, contou.

Já sobre o facto dos gémeos terem duas mães e as vantagens disso, Inês garante que “Não sei como é que é o caso contrário. Eu não quero ser sugestiva, mas eu acho que é muito melhor.  Ninguém ajuda ninguém, somos as duas mães”.

ATV News