Famosos SIC

Depois das agressões brutais, João Baptista corre risco de cegueira

O caso aconteceu no domingo, dia 26 de agosto, quando João Baptista estava numa esplanada de uma pastelaria, em Vila Franca de Xira. De acordo com testemunhas no local, o ator pediu por várias vezes ao dois homens para que não o filmassem, contudo o pedido não terá sido respeitado, e o ator acabou por ser brutalmente espancado com socos e pontapés na cara.

Uma testemunha, que estava na esplanada naquele momento, contou à revista TV Mais o que aconteceu. «Ele pediu várias vezes para os dois indivíduos pararem de o filmar. Depois vi o João a ser projetado contra a parede da pastelaria. Valeu-lhe a prontidão de quem estava ali, senão ele era assassinado! Bateram-lhe muito na zona da cara.» Outra testemunha conta a mesma versão. «Podiam ter matado o rapaz! Ele ficou muito mal tratado.»

Ator da SIC internado com lesões graves após ter sido agredido

O INEM foi chamado e Luís Martins foi um dos socorristas. «Quando lá chegámos ele estava sentado dentro da pastelaria, rodeado de pessoas. Estava muito abalado, tinha várias escoriações no rosto. Prestámos os primeiros socorros e depois levámo-lo para a viatura do INEM. Ele estava muito agitado e chorava. Durante o percurso esteve sempre consciente. Percebemos logo que o olho direito inspirava muitos cuidados e que as agressões tinham sido muito violentas», relembra o técnico.

João Baptista agredido. Agressor conta tudo o que aconteceu

Assim que chegou ao Hospital de São José, foi submetido a uma cirurgia ao rosto. Os programas das manhãs dedicaram algum tempo a este assunto, e foi no Você na TV, da TVI, que um dos agressores contou a sua versão dos factos. Já no Queridas Manhãs, da SIC, a advogada Sofia Matias, revelou que os dois agressores podem ser julgados por ofensas corporais graves ou até por tentativa de homicídio. «É um crime que pode ir para uma moldura penal até oito anos de pena de prisão. As agressões foram maioritariamente na zona da cabeça. Ele tinha o maxilar fraturado, um olho que inspirava muitos cuidados. Não são poucas as vezes em que ataques destes e agressões nos olhos resultam em perda de visão. Quando se bate na cabeça as pessoas estão a equacionar a hipótese da morte. A cabeça é a zona mais frágil, onde está o comando das funções vitais», explicou.

Ator João Baptista já reagiu às agressões de que foi alvo: «Será feita justiça»

ATV News