SIC

Cozinheira de Cristina Ferreira apanha lixo na praia com a família

Reprodução Instagram

Joana Barrios aproveitou o dia de férias para ir à praia com a família. Antes de se sentar no areal, a cozinheira do programa de Cristina Ferreira, tirou fotografias ao que estava à sua volta e, depois com as crianças, apanhou o lixo.

“Ao contrário do que seria mesmo fixe, tipo a foto das pernas salsicha ou a foto em bikini toda tunnada, este é o meu carrossel de postais das férias. Desde que chegámos às férias que todos os dias me entram umas fúrias muito doidas na praia. Mesmo muito doidas. Mesmo na praia”, começou por escrever, descrevendo de seguida o ambiente.

“Antes de assentar arraiais, todos os dias temos de recolher o lixo em volta para uma estada minimamente agradável no areal até o sol começar a não ser possível. A praia está muito suja. Há pontas de cigarros, película aderente, saquinhos de plástico, tampinhas de garrafas de água, anilhas de plástico, guardanapos de papel, papel de alumínio, cascas de frutas, entre outros”, acrescentou.

Joana Barrios mostrou-se surpreendida com o facto das restantes pessoas ignorarem o lixo que está à sua volta. “Não consigo relaxar com tanto lixo à minha volta, muito menos com tanta indiferença. Na volta as preocupações ambientais também tiraram férias, ou então o lixo afinal não incomoda assim tanto e no fundo as preocupações ambientais são só treta”, afirma.

“Hoje fotografei o que estava à nossa volta antes de nos instalarmos. Depois, com as crianças, apanhámos mais de quarenta pontas de cigarros e uma quantidade absurda de plásticos e papéis de variadas naturezas, que reunimos num dos saquinhos que encontramos na areia e deitámos no lixo”, contou, rematando que não consegue ficar indiferente à sujidade e à poluição.

View this post on Instagram

Olá a todx, Desde já bom Verão. Ao contrário do que seria mesmo fixe, tipo a foto das pernas salsicha ou a foto em bikini toda tunnada, este é o meu carrossel de postais das férias. Desde que chegámos às férias que todos os dias me entram umas fúrias muito doidas na praia. Mesmo muito doidas. Mesmo na praia. Chegamos cedo, com o mínimo indispensável e antes de assentar arraiais, todos os dias temos de recolher o lixo em volta para uma estada minimamente agradável no areal até o sol começar a não ser possível. A praia está muito suja. Há pontas de cigarros, película aderente, saquinhos de plástico, tampinhas de garrafas de água, anilhas de plástico, guardanapos de papel, papel de alumínio, cascas de frutas, entre outros. À nossa volta as pessoas instalam-se completamente alienadas do lixo que as rodeia e fico sempre #wtf . Não sei se o fazem porque não reparam ou porque é preferível ignorar porque “estão de férias”, o certo é que as pessoas estão “de férias a relaxar” sobre lixo. Não consigo relaxar com tanto lixo à minha volta, muito menos com tanta indiferença. Na volta as preocupações ambientais também tiraram férias, ou então o lixo afinal não incomoda assim tanto e no fundo as preocupações ambientais são só treta. Hoje fotografei o que estava à nossa volta antes de nos instalarmos. Depois, com as crianças, apanhámos mais de quarenta pontas de cigarros e uma quantidade absurda de plásticos e papéis de variadas naturezas, que reunimos num dos saquinhos que encontramos na areia e deitámos no lixo. Porque a poluição também é circular: é possível recolher e aglomerar o lixo com o próprio lixo que se encontra na praia. Uau. Lol. Bravo. Não consigo ficar indiferente à sujidade e à poluição. Nas vossas idas à praia, Queridx Amygx, por acaso reparam nisto? Acham que é problemático? O que é que fazem? É que eu estou a tripar. #praiasujanaorula

A post shared by Joana Barrios (@joanabarrios) on

ATV News