SIC

Condenado por violência doméstica esteve perto de entrar no ‘Casados à Primeira Vista’

Reprodução SIC

A produção do programa ‘Casados à Primeira Vista’ esteve muito perto de casar um homem condenado três vezes por violência doméstica. Bruno Miguel Silva, de 34 anos, terá ido às entrevistas do formato com uma pulseira eletrónica no tornozelo. 

De acordo com informações da TV Guia, o concorrente alcançou todas as fases de seleção, chegando a ter uma noiva escolhida. O jovem apresentou-se como sendo psicólogo com funções no departamento de recursos humanos numa empresa em Lisboa.

Mais tarde, a produção verificou que os documentos fornecidos pelo ex-concorrente eram falsas. Para além disso, Bruno tinha no seu cadastro o registo de três condenações por violência doméstica, tendo participado nas entrevistas do programa com uma pulseira eletrónica.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News