SIC TVI

‘Capazes’ e Fernanda Freitas apelam ao boicote dos novos programas da SIC e TVI

A escolha de programas para as noites de domingos da SIC e da TVI foi vista por muitos como machista e sexista. Depois da estreia de Quem Quer Namorar Com o Agricultor?, da SIC, e Quem Quer Casar Com o Meu Filho?, da TVI, foram vários os comentários de revolta partilhados nas redes sociais.

Defensoras da igualdade de género, a Associação Feminista Capazes considera que a emissão de programas deste género significa “recuar ao passado”. “Dois dias depois de assinalarmos com estrondo o Dia Internacional das Mulheres e a importância da luta pela Igualdade, a TVI e a SIC apresentam dois formatos absolutamente degradantes para as mulheres. Programas em que as mulheres são postas a competir pelo macho Alfa e pelo seu dote, sujeitando-se às maiores humilhações e fazendo-nos, a todas e todos, recuar ao século passado. O machismo e o sexismo em todo o seu esplendor. Vergonha!”, lê-se na página oficial da Capazes no Facebook. A Associação Feminista incentiva ainda os seus seguidores a boicotarem os serões de domingo da SIC e TVI.

Também Fernanda Freitas se juntou ao coro de críticas aos programas da SIC e TVI e deixou nas suas redes sociais a sua opinião. “Dois dias depois do 8 de março, aparecem dois programas em simultâneo, em horário ‘nobre’ com réplicas do que toda a sociedade se propôs a combater há dois dias: ideias retrógradas com mulheres a exporem-se, no que parece ser um leilão de gado, ou perante questionários tipificados e retirados da Crónica Feminina da futura sogra”, começa por escrever Fernanda Freitas. E acrescenta: “Para os que vierem dizer que as mulheres não foram obrigadas a ir ao programa, eu sei. Têm liberdade para fazer mas é o que ainda me enerva mais. Querem mesmo mudar mentalidades? Não pactuem com isto. Façam greve e desliguem os televisores”, terminou a jornalista. O ator Jorge Corrula concorda com Fernanda Freitas e até partilhou a publicação da jornalista.

As críticas não se ficam só pela página oficial da Capazes ou pelo Instagram de Fernanda Freitas. Também no Twitter, a estreia dos programas é um dos assuntos do dia.

“Quando é que a SIC e a TVI mudam o nome para Tinder TV?”, “num país em que é extremamente urgente mudar as mentalidades, há programas destes em que parece que estamos no século passado e as mulheres são objeto de escolha”, apontam alguns utilizadores do Twitter.

“Na semana em que se exaltou o papel da mulher surge um programa onde existem muitas  mulheres e os homens têm de escolher”, “sou a única que acho que estes programas são machistas?” e “de um lado (TVI) temos: gordofobia, racismo, machismo e tudo o que possa existir de preconceito por parte das mães. Do outro (SIC) temos: o homem escolhe e descarta mulheres como quem muda de cueca”, pode ler-se ainda.

ATV News


Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close