fbpx
Big Brother SIC TVI

Big Brother Famosos. Leandro viveu passado de sofrimento

Leandro Big Brother Famosos
Instagram

Leandro, concorrente do ‘Big Brother Famosos’ afirma que as suas vivências e aquilo que sofreu no passado fizeram dele o homem que hoje é.

Leandro é o segundo mais velho de sete irmãos e, desde muito cedo, teve de aprender a lidar com as adversidades da vida. O concorrente do ‘Big Brother Famosos’, foi confrontado na juventude com a dor da perda.

Aos 15 anos ficou sem um dos grandes pilares da sua vida, a avó. “Ela era o meu porto de abrigo. Sofri muito com a perda dela. Foi a pessoa mais bonita que tive na minha vida, era um amor único”, contou o cantor a Daniel Oliveira em entrevista no programa da SIC “Alta Definição”. Ainda nos dias de hoje, o artista recorda as palvras da avó. “Pouco antes de partir disse-me que iria ser o pilar da família e, na verdade, as grandes decisões da família sou eu que as tomo”, revelou.

Leandro revelou que a morte da avó foi totalmente inesperada. “Em casa, ela escorregou e bateu com a cabeça na máquina de lavar, numa sexta-feira. No sábado, levantou-se de manhã, sentiu-se mal e desmaiou. Foi operada à cabeça, mas já cá não estava. Teve morte cerebral”, disse, visivelmente emocionado.

A discussão com a mãe antes de ela morrer

Cerca de dois anos após a avó ter partido, Leandro voltou a sofrer um duro gople. “Assisti à morte da minha mãe, em casa. Nessa noite tinha discutido com ela. Impliquei com ela por causa de um pacote de bolachas e tratei-a menos bem. Arrependo-me de ter sido um parvo”, lamentou no ‘Alta Definição’, da SIC. O concorrente do ‘Big Brother Famosos‘ explicou em que circunstâncias é que a mãe morreu. “De madrugada, ouviu-se um grito. A minha mãe estava deitada no chão, completamente roxa. Teve uma paragem cardíaca, ela tinha um problema pulmonar”, disse.

O cantor arrepende-se até hoje da zanga que teve com a mãe. “Essa madrugada mudou-me. Não consigo dormir chateado com ninguém da minha família. Se pudesse voltar atrás, não tinha feito o que fiz, não tinha dito o que disse. Gostava de lhe pedir desculpas”, afirmou, de lágrimas no rosto.

Com a perda da avó e da mãe, a vida de Leandro sofreu grandes mudanças. “Deixei a escola no 6.º ano. O meu pai perdeu o emprego, não reagia e não havia leite em casa, fazíamos Nestum com água…”, contou.

Mas a tragédia não se ficou por aqui. Com o pai desempregado e sem condições para criar, sozinho, sete filhos, foram-lhes retirados pelo Estado os quatro mais novos. “A Segurança Social tirou os meus irmãos de nós. Bateram à porta, entraram em conflito com o meu pai e tiraram-nos. Foram quatro irmãos. O mais novo tinha apenas 9 meses”, recordou.

A sua infância e juventude ficaram também marcadas por ter crescido num bairro problemático de Chelas, na zona oriental de Lisboa. “Ali, nós somos obrigados a aprender a viver. Cheguei a assistir a coisas que me marcaram muito. O caminho menos bom estava à mão de semear e as mães tinham de estar muito atentas”, afirmou.

Apesar de tudo o que passou, Leandro elogia o progenitor. “O meu pai sempre conseguiu juntar todos e dar carinho a todos e isso é muito importante”, rematou.

Leia também: Big Brother Famosos. Leandro foi acusado de pedofilia: “Sabes como é que me safei?”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>