SIC

As histórias de amor que emocionaram Cristina e espectadores: “Até que a morte nos separe”

Cristina Ferreira voltou a receber convidados com histórias de vida que emocionam até os mais difíceis de desmanchar. Esta terça-feira, a apresentadora recebeu em sua casa Fernando e Fernanda, duas pessoas que perderam o amor das suas vidas, e que falaram da forma como vivem a viuvez. Emocionou-se a comunicadora e emocionou-se quem viu em casa.

Nas redes sociais, Cristina publicou uma imagem de ambos onde refere: “Não sei se fale de uma história ou de outra. Talvez fale de amor. Chega.” Os seguidores concordam que os testemunhos foram fortes: “Eu chorei junto dessas 2 histórias”, ou “Não há coração que aguente tanta emoção”, são apenas exemplos dos muitos comentários que se podem ler.

Fernando está viúvo há 37 anos. Contou que conheceu a mulher ainda no princípio da adolescência. Ela engravidou quando tinha 15 anos e Fernando tinha na altura 18. Casaram, mas a morte e uma acidente separaram-nos uma década depois. “Perdi o amor da minha vida, tinha 29 anos”, disse o convidado. Estiveram juntos apenas 10 anos, mas esse tempo foi o suficiente para ser o melhor da vida de Fernando, contou o próprio a Cristina.

Já Fernanda perdeu o marido há 7 anos. Diz que o conheceu aos 16 anos. Estiveram casados 49 anos e do amor de ambos nasceram 3 filhos. Fernanda diz que  “sempre sentiu que era para vida”, até que a morte o separasse… e separou repentinamente quando o marido estava em casa e se sentiu mal enquanto estava ao computador. Foi no final desta conversa que surgiu o momento mais emocionante. Fernanda contou que gosta muito de falar sobre o marido. Diz que põe muitas fotografias dele no Facebook, porque “parece que ele está ali ao pé”, explicou que sente assim “que ele está vivo”. A convidada terminou dizendo: “Gosto de o recordar e gosto muito de falar dele. Eu ainda o amo. Ainda o queria aqui”. Uma frase que deixou Cristina de voz embargada de emoção e por isso ofereceu à convidada um abraço apertado.

ATV News