Séries

Netflix cancela «House of Cards» após escândalo de Kevin Spacey

Uma das séries mais populares da Netflix, House of Cards, irá terminar na sexta temporada, que estreia em meados de 2018. A notícia do cancelamento aconteceu pouco tempo depois de Kevin Spacey, protagonista da série, ter sido acusado de assédio sexual.

Apesar da polémica que se instaurou, a Netflix garante que o fim da série já estava programado desde o verão. Contudo, o cancelamento de House of Cards surgiu menos de 24 horas depois de Anthony Rapp ter acusado Spacey de assédio sexual há mais de 30 anos.

Em entrevista ao BuzzFeed News, o ator assumiu que, durante uma festa, Spacey, na altura com 26 anos e num estado de aparente embriaguez, se terá aproveitado do facto de estar sozinho com Rapp, de 14 anos, para o agarrar e se deitar em cima dele.

Em comunicado de imprensa, Spacey reagiu às acusações e pediu desculpa pelo incidente, embora diga que não tem memórias desse seu comportamento. O ator aproveitou também para assumir a sua homossexualidade, o que lhe valeu imensas críticas, dada a delicadeza da situação e das acusações de que é alvo.

A Netflix também já reagiu às acusações e afirma estar «imensamente perturbada» pela notícia e que, em consequência, irá reunir com toda a equipa da série.

A sexta temporada de House of Cards estreará em meados de 2018 na Netflix e, em Portugal, no canal TVCine e Séries. A série contará com mais 13 episódios para terminar a história que dá vida a Frank e Claire Underwood.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close