fbpx
Falar Televisão

Valor (des)acrescentado

 

Não me canso de dedicar estas linhas a Iva Domingues. Basicamente, porque ela é o melhor exemplo de como na nossa televisão o talento não é sinónimo de trabalho e popularidade. Na entrevista que a apresentadora concedeu à edição desta sexta-feira da Notícias TV, é notório o desconforto profissional que Iva sente, ainda hoje. Pondo de parte todas as hipocrisias, Iva tem-se tornado, verdadeiramente, numa bombeira de Queluz de Baixo. Aquela que substitui quando um dos apresentadores de primeira linha falha.

Mas o que mais irrita nesta história é que Iva substituiu tão bem ou melhor do que os apelidados apresentadores “principais”. Em todo o tipo de formatos, em todos os horários. Ela mesma se classifica como a “melhor de Portugal” no que toca a versatilidade. Mas de que lhe vale essa versatilidade quando, afinal de contas, não há um espaço para Iva?

A insurreição contra o marasmo profissional em 2008, 5 anos depois de ter pegado no Quem Quer Ganha, saiu-lhe muito caro. Ela própria também o admite. Mas, por uma questão de justiça, é inadmissível que uma cara como a de Iva seja constantemente renegada do pequeno ecrã quando apresentadoras tão medíocres poluem os nossos ecrãs em consecutivos projetos, ocos e desagradáveis, à semelhança delas mesmas…

Iva Domingues Valor (Des)Acrescentado

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News