fbpx
Falar Televisão

Fazer render o «peixe»

Falar Televisão Fazer Render O «Peixe»

Falar Televisão

Já todos sabemos que a crise fez com que as estações de televisão que produzem ficção em Portugal reduzissem em massa os seus contratos de exclusividade. Contudo, uma minoria dos atores de telenovelas usufruem deste privilégio e sujeitam-se a trabalhos regulares. É o caso de Alexandra Lencastre Rita Pereira, protagonistas no Falar Televisão de hoje.

Noticiado pel’ A Televisão, os grandes rostos da ficção da TVI voltam a contracenar depois de ainda há poucos meses ficarem com os papéis principais de Destinos Cruzados. A nova novela que visa substituir Belmonte chega só em setembro. Porém, apesar do tempo fora do ecrã – excepto Alexandra Lencastre que depois de Destinos Cruzados desempenhou o cargo de apresentadora nos diários de Casa dos Segredos 4 e, atualmente, jurada de A Tua Cara Não Me É Estranha Kids – o público fica farto de ver sempre os mesmos rostos no seu principal entretenimento diário, as novelas.  Rita Pereira fica então com um ano fora do ecrã. Parece muito mas para a atriz, das mais conhecidas em Portugal, precisa de descansar a imagem. Já Alexandra Lencastre, na minha opinião, não deveria de entrar em nenhuma trama até ao fim do corrente ano.

No mercado existem imensos atores à espera de um telefonema de trabalho. Dá gosto ver, por exemplo Dalila Carmo, Madalena Brandão, Marco D’Almeida, Filipe Duarte (novelas TVI) e Margarida Vila-Nova (recentemente na SIC) no pequeno ecrã. Porque não continuar a apostar em «novas» caras. É natural que com os contratos de exclusividade os canais queiram «Fazer render o “peixe”» porque estes atores estão a ser pagos de qualquer forma.

No que respeita agora à ficção da estação de Queluz de Baixo, boas histórias, boas interpretações e «novos» atores – que é como quem diz que estão fora do ecrã há muito tempo – têm que ser ingredientes obrigatórios das novas receitas da TVI para recuperar a liderança perdida, ainda que por vezes partilhada, para a SIC.

Até quarta!

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

7 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Podiam trocar a Rita Pereira com a Joana Solnado (as duas excelentes atrizes, pelo menos para mim), e a Alexandre Lencastre com a Sofia Nicholson ou a Carla Andrino (que a meu ver já merecem um bom papel, e são as duas excelentes atrizes, adoro a Alexandra, mas concordo, e acho que só deveria voltar no inicio do próximo, ano numa novela para substituir O Beijo do Escorpião).

    • Para ser sincero a Joana Solnado bate a milhas a Rita Pereira, e de facto tanto a Sofia Nicholson como a Carla Andrino já mereciam papéis de maior destaque na sua carreira, principalmente a primeira.

      • Pois, se formos a ver, a Sofia Nicholson só faz papel de pobrezinha: Doce Tentação, Beijo do Escorpião, A Outra e outras novelas que não me estou a lembrar, em todas elas ela passava dificuldades financeiras.

        • Na novela “Espírito Indomável” a personagem da Sofia Nicholson sofria de violência doméstica e fazia parte do núcleo dos protagonistas!

  • TVI? Não te esqueças da Rita Salema, Bárbara Norton de Matos, Patrícia Tavares, Sara Barradas, André Nunes, Ricardo de Sá, Lia Carvalho, Carlos Malvarez, António Capelo, Marta Melro e tantos outros atores que estão a anos na estação e têm posto na prateleira! Já chega de “Pereiras” por favor!!

    • Patricia Tavares vai para a Sic e o Ricardo de Sá diz-se que também vai, mas concordo com todos os atores que referiste e ainda acrescentava Carla Andrino, Marta Andrino e Silvia Rizzo.
      PS: Acho que foi uma boa ideia ir buscar a Maria Rueff, acho que vai estar à altura, veremos.

  • Pior que isso são os actores mais velhos que são (quase que) completamente ostracizados, exceptuando o Ruy de Carvalho e a Eunice Muñoz. E mesmo assim, a TVI já tem mais cuidado na escalação dos elencos porque houve aí uma altura em que dois ou três actores percorriam as produções todas da TVI.

ATV News

<>