fbpx
Falar Televisão

O Ministro não faz milagres

Falartelevisãodestaque O Ministro Não Faz Milagres

Falartelevisãodestaque

Chegou com pompa e circunstância depois de uma campanha eleitoral que fazia adivinhar uma grande aposta do partido fundado por Francisco Pinto Balsemão. Esta manhã a tomada de posse do intitulado Ministro da Manhãs roçou o ridículo ao quebrar todo um protocolo com as suas piadas e o jeito pouco natural de quem é peixe fora de água ou melhor apresentador e comediante fora do seu habitat e horário naturais.

Acompanhado e bem guardado pela embaixadora Júlia Pinheiro que apesar de um currículo televisivo invejável não conseguiu deixar a pasta que tutela livre de dividas e de boa saúde a concorrer de igual para igual nos mercados. A mudança de executivo pouco ou nada mudou e de facto à imagem e semelhança de um qualquer outro governo mudam-se os ministros mas não se mudam as politicas e os rumos.

Só o futuro pode ditar o futuro do próprio programa que nem com este programa cautelar trouxe de algo novo e continua a apostar nos conteúdos que outrora apontei como o principal problema das manhãs de Carnaxide. Que o tempo seja o melhor amigo do formato ou não fosse o tempo o mais padastro deste universo governativo que é a televisão portuguesa.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

9 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Desculpem, mas ridículos são vocês, e com isto se vê o vosso fanatismo pela TVI!
    Apesar de conteúdo antigos a dupla funciona na perfeição, e sinceramente foi um bom momento televisivo, que pelo menos deu para rir!
    Inicialmente pensei que corresse pior, e o Jota bem surpreendeu, e sem dúvida que superou o objetivo.
    Podem não cumprir o objetivo das audiências, mas o da mudança está cumprido, e bem cumprido. Cenário engraçado, cores alegres, tem tudo para funcionar!

    • Acho muito piada estar a dizer que se vê que a equipa do A Televisão são fanáticos TVI, pois á uns tempos atrás (e não digo que tenha sido você a dizelo) acusavam-nos do favoritismo obvio peça SIC.
      Mas também não posso deixar de concordar que a dupla até funcionou bem e embora prefira o Goucha e a Cristina acho que esta dupla dará lita

  • Concordo com o zzzz! É mto fanatismo msmo! Para o 1o programa a dupla funcionou mt bem.. se repararem o jota só intervém, nas alturas certas, sem querer entrar ali, vams fazr dele apresentador já! Nao! A julia conduz ele diverte e destabiliza. Pergunto a quem fez este texto se viu mesmo o programa, ou esteve distraido com as 3 partes do voce na tv, em que o unico assunto foi desafio final..

  • Alguém me explica então, porque é que víamos IMENSAS vezes assuntos abordados no «Querida Júlia» e no dia a seguir, ou dois dias depois, víamos o mesmo no «Você na TV!»?
    Esta crítica é estúpida! Desculpem a franqueza.
    A dupla é um bebé a combater com titãs (João Baião e Tânia Ribas vs Goucha e Cristina que estão juntos à anos…) e o registo do “ministro” é um novo registo nas manhãs que vai ter de se adequar, quer o registo às manhãs, quer as manhãs ao registo.
    O programa poderia ter sido o melhor do mundo, que íam falar mal. Não estou a dizer que o programa é perfeito, está longe disso, é preciso que se note, mas possa, eu vi o programa do inicio ao fim, já o voltei a ver, e digo isto com a máxima sinceridade, achei muitos erros, mas também achei imensos pontos a favor.
    Parem de estar com as «setas do ódio», que é como quem diz setas envenenadas, apontadas à Júlia, será que ainda não aceitaram o facto de ela ter saído a TVI à três anos? Será que não conseguem crescer, e passar isso?!
    Para finalizar digo, eu vi o programa do ínicio ao fim duas vezes, e estou-me a repetir eu sei, deste modo, recomendo a este cronista que faça o mesmo, ou que pelo menos o veja pelo menos uma vez na integra para poder comentar, em vez de estar aqui a mandar tiros ao ar.

ATV News