fbpx
Falar Televisão

A Morte Lenta da RTP2

Falartelevisãodestaque A Morte Lenta Da Rtp2

Falartelevisãodestaque

Entre as diversas problemáticas do audiovisual em Portugal escolhi olhar atentamente e dedicar este Falar Televisão à RTP2 um canal esquecido que parece não se ter adaptado a esta nova era da concorrência.

Sem grandes tendências e pretensões comerciais a RTP2 lá foi aumentando as horas da sua emissão quiçá resultado de uma chegada das televisões privadas há já duas décadas. Mas a verdade é que desde a chegada da GfK como medidora oficial dos resultados audiométricos em Portugal os número caíram quase para metade.

Nada que espante até porque não somos um país de firmes exemplo no que diz respeito ao consumo de cultura ou na proclamação da identidade nacional. No entanto, a RTP2 perdeu a superioridade de operador público e descurou as suas responsabilidades e até a vocação cultural que fazia parte do seu ADN.

Globalmente a estação parece à deriva com a morte da Sociedade Civil com o fim dos ciclos de cinema com o fraco peso da produções nacionais e a perda significativa das produções estrangeiras que fidelizavam público e que partilhavam não só a diversão como padrões característicos das sociedades.

O panorama não é brilhante e se alguém ainda de importar impõem-se que o segundo canal seja reestruturado, constituindo-se como a principal fornecedor de cultura aos portugueses de forma clara, objetiva, ambiciosa que se proponha a por fim a este circulo vicioso que parece institucionalizado.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

5 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Perante tão verdadeiras palavras… eu se fosse à administração vendia a RTP2 a um privado para que nós espectadores tivessemos uma quarta opção válida e não uma réplica mal feita da RTP Memória!

  • Boa análise. Efectivamente, desde que Hugo Andrade assumiu os destinos da RTP2, o canal ficou descaracterizado. Repetiu-se, ainda que de forma menos pomposa, aquilo que Manuel Falcão havia feito com a 2: – mudar a grelha totalmente e torná-la mais próxima da sociedade civil; no caso do actual director, mudou-se boa parte da grelha, na tentativa de a tornar mais barata. Hoje, verifica-se o retorno, ainda que de modo tímido, à estrutura da grelha anterior.

ATV News