fbpx
A Entrevista

A Entrevista – Júlio Rocha

Juliorocha Destaque A Entrevista - Júlio Rocha

Juliorocha Destaque A Entrevista - Júlio Rocha

Júlio Rocha reforça a equipa de médicos de Amor à Vida, no papel de Jacques. Em entrevista ao A Televisão, o ator comentou a sua personagem na novela da Globo. «O Jacques é um excelente cirurgião, muito ambicioso. Ele quer chegar a chefe do corpo clínico do hospital. É um cara enigmático, misterioso».

Recentemente, o número de capítulos de Amor à Vida foi alargado, porém, Júlio Rocha acredita que o público vai manter-se fiel até ao final da trama. «Não vamos permitir que o telespectador se canse. Iremos redobrar nossos esforços. A novela está fazendo sucesso. Todo mundo está feliz, ‘tá tudo certo», garantiu.

Dividerblack A Entrevista - Júlio Rocha

– Júlio, conte-nos como estão a correr as gravações da novela de sucesso da Globo, Amor à Vida.

– Fui convidado para fazer parte desse projeto através de três pessoas: Walcyr Carrasco, Mauro Mendonça Filho e pelo Wolf Maya. A novela é fantástica, tem superado a expectativa de todos e estamos batendo recordes de audiência. A produção trabalha de maneira muito eficiente. Não temos atrasos, o que possibilita prepararmos melhor as cenas. Uma das propostas da direção é que os diretores focassem no trabalho dos atores, e isso tem arrancado belas interpretações.

– Como descreve o Jacques? Qual é o objetivo dele na trama?

– O Doutor Jacques é um excelente cirurgião, muito ambicioso. Ele quer chegar a chefe do corpo clínico do hospital. É um cara enigmático, misterioso…

– O público está a gostar da sua personagem?

– Eu só dou risada nas ruas. As pessoas brincam, comentam com muito senso de humor a respeito do meu personagem. Coisa como: «Tô passando mal, rola uma consulta? Me examina? Me opera? Vai rolar beijo com o Félix? Vocês vão ficar juntos?».

– Não há dúvidas: o Júlio já é apontado como um verdadeiro galã. Qual a sensação de receber este título?

– Sensação ótima, é um elogio. Para quem passou a infância se achando feio e narigudo, imagina como é ouvir «Júlio, Galã de Novela» (risos)! Mas a melhor sensação é poder me debruçar em cima de personagens tão ricos, como o Jacques, por exemplo. Isso me fascina. O mais importante é o trabalho artístico, a essência do personagem, minha função de ator, de contar bem uma história.

– No Brasil as pessoas lidam bem com a homossexualidade? Amor à Vida está a mudar mentalidades?

– Penso que o Brasil é um país que respeita as diferenças. Essa novela de qualquer forma está ajudando muito o entendimento das pessoas em determinados aspetos. As pessoas devem ser livres, viver em paz, com seus desejos, amores. A nossa vida é tão passageira, tudo é tão rápido… Acho muito triste alguém viver no armário por medo de preconceito.

– Inicialmente, Amor à Vida iria ter 179 episódios, mas afinal vai contar com 221. Portanto, será a novela mais longa dos últimos dez anos da TV Globo. Não acha que vai cansar o telespectador?

– Nao vamos permitir que o telespectador se canse. Iremos redobrar nossos esforços (risos). Há cidades onde praticamente todos os televisores estão sintonizados em Amor à Vida no horário da novela. A novela está fazendo sucesso. Todo mundo está feliz, tá tudo certo.

– Qual a sensação quando chega ao fim de uma novela? Adriana Esteves, por exemplo, ainda não conseguiu recuperar de Avenida Brasil. É um vazio muito grande que se sente?

– Me sinto muito satisfeito antes, durante e depois… A vida é constante mudança, não dá para viver o ontem nem o amanhã. Eu vivo o aqui, agora. Sempre há algo para fazer, para ajudar ao próximo a si mesmo, para construir.

Atualmente, sente-se valorizado como ator?

– Me sinto sim. Sou parte de um elenco valoroso, numa novela com ótima direção, com uma história brilhante. E o retorno do público é caloroso, amável… É um momento especial.

– Trabalhar na Globo é o sonho de qualquer ator, não é?

– Acredito que a Globo é sim o sonho da maioria dos atores, pela qualidade profissionalismo, projeção do seu trabalho.

– Até hoje, qual a novela ou projeto em televisão que mais gostou de fazer?

– Estou apaixonado pelo que estou fazendo agora, mas não posso deixar de falar com saudades e amor de Duas Caras e Fina Estampa.

– Além de Amor à Vida, está envolvido em outros projetos?

– Além da novela, estou me preparando para fazer Matinê – O Filme. Ainda estou bem focado nos dois apenas, mas logo vem novidades.

– Imagine que eu não gosto mesmo nada de assistir a novelas. Diga-me algo para eu ficar «agarrado» a Amor à Vida.

– Se você ama a vida, ama as coisas boas que a vida oferece, a novela Amor à Vida é uma delas. Não perca tempo! Assista essa novela cheia de histórias de amor, muita comédia, dramas… Um trabalho feito para te surpreender! Acho que vou trabalhar em Marketing (risos)! Beijão para todos em Portugal.

– Obrigado pela entrevista, Júlio. Um grande abraço.

Cita%25C3%25A7%25C3%25A3O Imagem A Entrevista - Júlio Rocha

Cita%25C3%25A7%25C3%25A3O A Entrevista - Júlio Rocha

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News