fbpx
RTP

Vestido de Lenka de ‘O Preço Certo’ motiva queixa na ERC

Lenka, O Preço Certo, Rtp1
@RTP | Twitter

Lenka da Silva, deu que falar há um ano, devido ao vestido que usou no programa ‘O Preço Certo’.

O vestido curto que Lenka da Silva usou numa das emissões do programa ‘O Preço Certo’ há um ano gerou polémica e a jornalista Fernanda Câncio mostrou-se escandalizada.

É espantoso como é que a televisão pública continua a usar mulheres como adereços desta forma repugnante. Não há obrigações de cumprir os mínimos em termos de respeito pelos princípios constitucionais e pelos planos para a igualdade?”, disse a jornalista na altura.

A assistente de ‘O Preço Certo’ reagiu na altura: “Ninguém me obriga a nada, isso é ridículo. Eu trabalho com uma equipa maravilhosa, todos temos possibilidade de dizer o que gostamos e não gostamos”.

Segundo o ‘Correio da Manhã’, o assunto chegou à Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) e o programa era acusado de usar “uma imagem de nudez” para “captar audiências”, no entanto, a queixa acabou por ser arquivada por não ter sido violada “a ética de antena, nem ultrapassados os limites à liberdade de programação”.

A referida queixa foi apresentada por uma espectadora que se sentiu “agredida psicologicamente e insultada enquanto mulher” após ver uma figura de “uma mulher completamente ‘objetificada’ a vender uma imagem de nudez como produto sexual visual para o público masculino”.

Convocada pela ERC, a RTP pronunciou-se sobre o assunto e afirmou que os vestidos “ainda que muito reveladores do corpo feminino, não configuram uma situação de nudez. Não se crê ainda que representem uma ofensa à dignidade das mulheres, desde logo, porque as próprias assistentes terão participado no processo de escolha do guarda-roupa, que refletirá, por isso, o seu gosto e vontade”.

Leia também: Lenka defende-se das críticas: “O Preço Certo não se preocupa com as audiências”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

3 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Não percebo porque outras meninas (Donas ou Senhoras Donas), não se vestem como lhes dá prazer em estar na sociedade, as críticas são meros manifestos de assédio de quem tem a mentalidade dos calhaus, a idade da pedra já não faz sentido, a educação social leva mais tempo em Portugal porque a própria liberdade sexual não existe, agora ouvir as agressoras de assédios fechadas na sua caixa a criticar o bem estar dos outros Sta paciência, kkkk! Quando estás clausuras saem de casa e viajam das duas uma ou ficam nos quartos ou então vão tomar antidepressivos com tamanho choque, o que dirão das vestes dos indígenas!! País de babados, kkk

ATV News

<>